Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/08/2005 13:51

Iagro desobriga produtor de entregar frasco

Fernanda Mathias / Campo Grande News

A Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) estuda mais uma medida que atende pleito antigo do setor produtivo: vai desobrigar o produtor de devolver frascos de vacina antiaftosa, exigência após cada etapa de vacinação, junto do CT13 – documento que comprova número de animais na propriedade).
O diretor-presidente do órgão, João Cavalléro, diz que não existe mais justificativa técnica para esta devolução de frascos.
Ao lado desta medida, o governo também estuda suprimir uma das três etapas da imunização, a de bezerros, que ocorre logo no início do ano, em fevereiro. A idéia é retirar a etapa de vacinação de fevereiro, que atinge animais de 0 a 12 meses, passar a de novembro, que vai de mamando a caducando, para maio e a de maio, envolvendo animais de 12 a 24 meses, para novembro.
Este é o início de um caminho que será percorrido rumo ao status de área livre de febre aftosa sem vacinação. Esta é a condição para ingressar em mercados importantes como o Japão e os Estados Unidos.
A mudança pode proporcionar ao produtor rural economia de cerca de R$ 17,5 milhões, considerando rebanho de 7 milhões de bezerros e custo de R$ 2,5 por animal, somando vacina, taxa e mão-de-obra, segundo o presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Laucídio Coelho Neto.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)