Cassilândia, Domingo, 20 de Maio de 2018

Últimas Notícias

01/08/2013 20:41

Homem estupra deficiente e pede para a mãe da vítima não denunciá-lo

Robson Tavares, Tribuna Livre

Uma mulher de 29 anos, portadora de necessidades especiais foi vítima de estupro dentro de sua própria casa na madrugada de terça-feira (30), em Paranaíba. A vítima teve que ficar sozinha em casa, momento que o indivíduo aproveitou para abusá-la sexualmente.

De acordo com o Boletim de Ocorrências, a mãe da vítima, uma mulher de 53 anos, informou que na segunda-feira (29), precisou ir até a cidade Itajá-GO, porém como não tinha com quem deixar sua filha, a deixou sozinha em casa. Ela contou que deixou apenas a porta da cozinha destrancada, as demais portas e o portão da residência ficaram trancados.

Segundo ela, por volta das 7h de segunda-feira, recebeu uma ligação em seu celular, onde um homem, conhecido por ela, perguntou onde a mesma estava. Então, ela disse que estava aguardando uma carona para a cidade de Itajá-GO. Até então, a vítima não desconfiou de nada.

Quando a mãe da vítima retornou a Paranaíba, na manhã de terça-feira, ao chegar em casa percebeu que o portão não estava como ela havia deixado. Ao entrar em casa, encontrou sua filha chorando e muito triste. Ao perguntar o que havia acontecido, a vítima disse que um sujeito (o mesmo que havia telefonado para sua mãe) esteve lá e a levou para o quarto. Tirou as roupas dele e as dela e passou a molestá-la. A vítima contou ainda que foi violentada sexualmente pelo indivíduo de diversas formas.

Logo que soube do fato, a mãe da vítima ligou para o indivíduo, ele atendeu a ligação e foi até a casa dela. Em conversa com ele, o sujeito disse para a mãe da vítima que não o denunciasse, dizendo para ela não “complicar” a vida dele, pois ele é um homem casado.

Diante dos fatos, a mãe da vítima procurou a polícia e denunciou o caso, passando apenas o primeiro nome do indivíduo as autoridades, que seguem com as investigação.

O caso foi registrado como Estupro de vulnerável, quando praticado com alguém que, por enfermidade ou deficiência mental, não tem o necessário discernimento para a pratica do ato, ou que, por qualquer outra causa, não pode oferecer resistência.


Autor: Jornal Tribuna Livre Online

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
Sábado, 19 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 18 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)