Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/03/2014 07:15

Homem é sequestrado, torturado e acaba morrendo em Rio Verde

Campo Grande News

Um trabalhador rural morreu em Rio Verde de Mato Grosso, a 207 quilômetros de Campo Grande, após ter sido sequestrado, mantido em cativeiro e torturado depois que saiu de casa para pagar contas.

De acordo com o Edição de Notícias, Ana Cláudia Gonçalves, de 33 anos, que é irmã da vítima, contou que Loriel Gonçalves da Silva, de 24 anos, conhecido como “Negão”, saiu de casa com R$ 1,7 mil no bolso para pagar contas na região central da cidade. Depois disso o trabalhador rural não foi mais visto.

Ainda segundo o relato da irmã da vítima, na manhã desta sexta-feira (7), o Hospital Municipal teria recebido uma denúncia anônima informando que uma pessoa estava abandonada toda ensanguentada em uma residência.

Quando o socorrista chegou ao local encontrou “Negão” caído de bruços, acompanhado de uma mulher e de um homem que estava com um alicate nas mãos sujo de sangue. O socorrista acionou a polícia, porém quando os militares chegaram no cativeiro, onde a vítima era mantida e torturada, ninguém foi encontrado.

“Negão” foi levado para o hospital com vários ferimentos pelo corpo. Devido à gravidade do seu estado de saúde, ele precisou ser transferido para Campo Grande, mas não resistiu e morreu.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)