Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/06/2010 10:42

Holanda vence o Japão e fica perto da vaga

GE.net

A Holanda poderá assegurar a sua vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo ainda neste sábado, caso a Dinamarca vença ou empate com Camarões em Pretoria. Em Durban, no estádio Moses Mabhida, o time comandado por Bert Van Marwijk ganhou do Japão por 1 a 0 e isolou-se na liderança do grupo E. O gol marcado por Sneijder transformou o goleiro Kawashima em mais uma vítima da Jabulani.

Com o resultado, a Holanda passou a somar 6 pontos, contra 3 do Japão. Camarões e Dinamarca ainda não têm nenhum. Na próxima quinta-feira, na última rodada da chave, os holandeses enfrentarão os africanos na Cidade do Cabo. Já os japoneses tentarão avançar à próxima fase do Mundial diante dos dinamarqueses, em Rustemburgo.

O jogo - O técnico Takeshi Okada não se envergonhou com as assumidas deficiências do Japão. Para surpreender a Holanda, favorita à primeira colocação do grupo E, ele conscientizou os seus jogadores sobre a importância de fazer uma marcação cerrada. A equipe oriental respondeu com muita disposição tática.

Contraditoriamente, a primeira chance mais clara de gol foi criada pelo Japão. Aos 11 minutos, depois que Kuyt demonstrou ousadia para tentar uma finalização de bicicleta, Nagatomo respondeu com um bom chute de fora da área. A bola passou próxima da trave, assustando o goleiro Stekelenburg.

Já a Holanda não queria encurtar o caminho com conclusões de longa distância. Diante do empenhado sistema defensivo japonês, o time europeu trocava passes demasiadamente - fazia a bola chegar até os pés de Stekelenburg para voltar ao ataque. A ordem do técnico Bert Van Marwijk era manter a paciência para abrir o placar.

Sem ser ameaçada pelo Japão, no entanto, a Holanda também não conseguiu ser incisiva na etapa inicial. Teve cerca de 70% de posse de bola, mas finalizou apenas três vezes. Nada que preocupasse os holandeses naquele instante. Enquanto os torcedores sopravam as suas vuvuzelas nas arquibancadas, os jogadores desciam tranquilos para o vestiário.

A estratégia das duas equipes não mudou no começo do segundo tempo. Aos oito minutos, porém, a Holanda finalmente obrigou o Japão a sair do campo de defesa. Van Persie ajeitou a bola para Sneijder, que chutou forte da entrada da área. O goleiro Kawashima se atrapalhou com a Jabulani e espalmou para dentro.

Takeshi Okada, então, mandou o seu time também atacar. Trocou Matsui e Okubo por Nakamura e Tamada, e o Japão começou a se arriscar mais para tentar o empate. Sem ser envolvente, a equipe asiática não chegava a fazer Stekelenburg trabalhar tanto através de levantamentos na área e conclusões de longe.

Chegara o momento de a Holanda se beneficiar da troca de passes e fazer o tempo passar. Bert Van Marwijk até fez substituições ofensivas, com Elia, Afellay e Huntelaar nos lugares de Van der Vaart, Sneijder e Van Persie, mas nem por isso os holandeses se entusiasmaram no ataque. A prioridade era administrar o resultado positivo.

Ainda assim, as duas melhores oportunidades de gol no final da partida foram da Holanda. Aos 39, Afellay invadiu a área e chutou em cima de Kawashima. Pouco depois, ele novamente tentou e parou na defesa do goleiro. O placar de 1 a 0, de qualquer maneira, já era suficiente para deixar a Holanda perto do mata-mata na África do Sul.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)