Cassilândia, Domingo, 25 de Junho de 2017

Últimas Notícias

10/03/2007 19:50

Governo vai proibir cultivo da soja por 3 meses em MS

Campo Grande News/Humberto Marques

O governo do Estado irá proibir por três meses o cultivo de soja em Mato Grosso do Sul, como parte das políticas para impedir o avanço da ferrugem asiática da soja. A Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) começará nos próximos dias a notificar os produtores sobre a necessidade de se suspender o plantio da soja entre 1º de julho e 30 de setembro. Conforme a assessoria do governo, 11 municípios do Estado registram casos de ferrugem.

A data para suspensão da cultura obedeceria o calendário de colheita, com o plantio sendo liberado a partir de 1º de outubro, obedecendo o zoneamento agrícola do Estado. O produtor que desobedecer a determinação será multado em mil Uferms (equivalente a R$ 12 mil). O controle das tigüeras (plantas voluntárias) deve ser feito até 30 dias após a colheita, por meio de processo químico ou mecânico. Tais plantas podem propagar o fungo.

O governo prevê, ainda, monitorar a cultura para detecção da doença e cadastrar ou registrar as áreas de cultivo. A medida deve ser tomada junto à Iagro até 30 dias antes da primeira semeadura. A agência disponibilizará o telefone 0800 679 120, para que produtores e colabores informem sobre o surgimento de focos de ferrugem asiática. Laboratórios e entidades públicas ou privadas que realizam exames de detecção também deverão informar os resultados positivos à Iagro.

Além de multa, estão previstas penalidades como advertência escrita e destruição ou inutilização da sola cultivada ou colhida, bem como dos resíduos da cultura e plantas voluntárias.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 25 de Junho de 2017
Sábado, 24 de Junho de 2017
23:07
Loteria
Sexta, 23 de Junho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)