Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/07/2004 15:01

Governo vai fazer esforço para reduzir número de MPs

Paula Medeiros / ABr

O ministro da Coordenação Política, Aldo Rebelo, disse hoje que o governo federal reconhece que a edição de Medidas Provisórias em número elevado prejudica os trabalhos do Congresso Nacional. A crítica foi feita pelos presidentes da Câmara, João Paulo Cunha, e do Senado, José Sarney. “Os dirigentes do Congresso têm razão ao fazer esse registro porque, de fato, o número elevado de medidas provisórias dificulta a atividade normal e ordinária do Senado e da Câmara”.

Rebelo informou que o governo já se comprometeu, diante dessa evidência, a fazer um “pleno esforço” para diminuir a edição de medidas provisórias. O problema, segundo ele, é que os ministros têm matérias que julgam urgentes e sempre imaginam que a medida provisória é um atalho para resolver as questões de forma rápida.

Depois de editada pelo presidente da República, a medida provisória entra em vigor imediatamente, e só depende da confirmação do Congresso Nacional. No caso de projetos de lei, só após a aprovação das duas Casas é que a matéria começa a valer.

“O governo está agora agindo com mais prudência, com mais cuidado na edição das medidas provisórias porque reconheceu que em determinados momentos editou um número talvez maior do que seria prudente para o bom andamento dos trabalhos da Câmara e do Senado”, enfatizou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)