Cassilândia, Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

04/10/2005 16:27

Governo nega que demissões tiveram motivação política

João Prestes / Campo Grande News

O governo negou que tenha havido motivação política na demissão de dois servidores da Setass (Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Economia Solidária), cujos atos foram publicados hoje no Diário Oficial, e na não readmissão de outro servidor da Fundação de Saúde. As denúncias foram feitas pelos próprios servidores durante coletiva hoje pela manhã, convocada pelos candidatos Saulo Monteiro e Elza Jorge, que disputam os comandos estadual e municipal do PT, respectivamente.

A assessoria da Secoge (Secretaria de Coordenação Geral do Governo) argumentou que “se tratam de medidas de caráter administrativo”, referindo-se à exoneração o superintendente de Administração e Finanças, Osvaldo Pimenta de Abreu e do chefe do almoxarifado da Settass, Aloísio da Cunha. Ambos são ligados ao grupo do deputado federal Antônio Carlos Biffi, que apóia Monteiro e Elza Jorge.

Já com relação ao ex-candidato ao diretório municipal do PT, Américo Soares, que trabalhava na administração da Fundação de Serviços de Saúde, a assessoria da Secoge disse que ele pediu afastamento voluntário para participar das internas e que por contenção de custos o governo não está admitindo ninguém. Américo Soares alega que foi pressionado a apoiar os candidatos Mariano Cabreira e Thaís Helena para ter o emprego de volta.

Procurado para comentar o assunto, o secretário de Trabalho, Assistência Social e Economia Solidária, Sérgio Vanderli, disse que só iria se pronunciar a respeito “depois das 17 horas”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
Segunda, 20 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)