Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/06/2006 16:39

Governo de MS diminui em 11% pauta fiscal do milho


O secretario estadual de Receita e Controle, José Ricardo Cabral, anunciou hoje que a pauta fiscal do milho, sobre a qual incide a alíquota de ICMS (Imposto Sobre Circulação de Serviços e Mercadorias) pago pelos produtores, baixará dos atuais R$ 20,40 para R$ 18,00 a saca, uma redução de 11,76%. A portaria diminuindo a pauta deverá ser anunciada amanhã no Diário Oficial do Estado.

A diminuição da alíquota, atendida pela portaria, foi solicitada por representantes da classe produtiva durante reunião, na última segunda-feira, com o secretário José Ricardo Cabral. No encontro foram debatidas novas ações do governo para ajudar a atenuar a crise que envolve o agronegócio.

Segundo José Ricardo Cabral, a medida representa aos produtores melhor capacidade de comercialização dos grãos, que vêm sofrendo constantes reduções de preços nos últimos meses. "Com a diminuição da contribuição, os produtores terão o custo por saca diminuído", afirmou.

Ainda de acordo com o secretário, a diminuição da pauta fiscal do boi - que regula os valores de ICMS para a pecuária do Estado e que também foi solicitada durante o encontro com produtores - ainda está sendo estudada pela equipe técnica da Secretaria de Receita e Controle e também poderá ser anunciada nos próximos dias.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)