Cassilândia, Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2019

Últimas Notícias

03/10/2007 16:26

Governo corta pela metade emendas de parlamentares

Maristela Brunetto

A promessa de pagamento integral do valor das emendas parlamentares, em R$ 500mil/mês, não deverá ser cumprida pelo governo estadual. Foi o que revelou hoje o líder do governo na Assembléia, Youssifi Domingos (PMDB), informação também já confirmada a outros parlamentares da base aliada.

O governo deve repassar somente metade do valor que tinha sido pactuado no Governo Zeca e prometida a manutenção nesse governo. Os deputados têm essa cota para cada um apresentar relação de entidades e prefeituras que receberão convênios e ações com verba do orçamento estadual.

Youssif diz que o governo conjugou dois fatores para definir o corte: a falta de tempo hábil, já que até agora nada foi liberado, e a falta de caixa. Segundo ele, tanto o governador André Puccinelli quanto o secretário de Governo, Osmar Jerônymo, sinalizaram com este fator. O líder lembra que somente em agosto o Executivo se liberou do encargo gerado nas suas contas com o empréstimo para quitação da folha de dezembro, uma vez que o atual governo assumiu sem dinheiro em caixa.

Domingos diz não haver uma posição divulgada sobre as emendas não pagas no período referente a janeiro a setembro e sobre o quanto e quando será liberado. Recentemente, o presidente da Casa, Jerson Domingos, informou, após reunião com Jerônymo, que já pediria aos deputados para se adiantarem e contactarem as entidades e prefeituras a serem beneficiadas para cuidarem da burocracia com a papelada exigida para convênios.

O deputado diz ainda que a intenção do governo foi unir a vontade dos deputados com a necessidade das prefeituras. Isso porque Puccinelli chegou a recomendar que as emendas priorizassem as áreas de saúde, assistência social e educação.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 18 de Janeiro de 2019
Quinta, 17 de Janeiro de 2019
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Quarta, 16 de Janeiro de 2019
10:00
Receita do dia
Terça, 15 de Janeiro de 2019
15:53
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)