Cassilândia, Terça-feira, 26 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

04/09/2017 09:40

Fotogaleria: escondida há 20 anos, carta de ex-presidente do Brasil está à venda

Midiamax
Evelin Cáceres e Tatiana MarinEvelin Cáceres e Tatiana Marin

A letra de médico não engana o papel envelhecido, mas que não deixou morrer sua despedida da presidência do Brasil. Guardada em um quadro na Vila Planalto, em Campo Grande, uma das cerca de 150 cartas escritas à mão a políticos que o apoiaram durante sua permanência no comando do Executivo brasileiro, descansam duas páginas de palavras que teriam sido escritas por Juscelino Kubitschek.

O urologista, que relutou para deixar a carreira de médico, se tornou o marco da industrialização, transporte e energia do país. Hoje, seu agradecimento é vendido em um grupo de amantes de relíquias da Capital.

O exemplar é do colecionador João Samper, que mora cercado de antiguidades, sua grande paixão. “Comprei a carta há 20 anos de outro colecionador de São Paulo. Lá, ele me informou que existem cerca de outras 150 cartas com o mesmo agradecimento feito à mão pelo ex-presidente”, conta.

De fato, o mesmo conteúdo aparece em sites pelo Brasil como acervo de Juscelino. Todos em papel timbrado de ‘Presidente da República’. Um deles se encontra no Museu JK, em Brasília, também emoldurado.

As cópias foram encaminhadas a diversos políticos que apoiaram a sua administração e é datada de 1961. Toda legível, a carta ressalta os famosos 50 anos de progresso prometidos em cinco anos, principal lema da gestão de Juscelino e agradecimento ao cargo confiado pela vontade popular, prometendo um futuro político.

Historiador do Iphan MS (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), José Augusto Carvalho dos Santos avaliou por fotos o material do colecionador.

“A caligrafia é ótima e pude ler a carta na íntegra. É um documento histórico importante, sem dúvida, mas não tenho expertise para garantir a autenticidade”, relatou.

O proprietário afirma que o documento tem uma marca d’água e que o comprou de um colecionador de outros objetos de Juscelino, que se desfez do acervo e fechou o local de exposição em São Paulo.

Cinco anos de presidência

Assim que assumiu a presidência, Juscelino pediu o fim do estado de sítio e aboliu a censura à imprensa. Em 1957, Oscar Niemeyer organizou um concurso para eleger quem formularia o plano-piloto de Brasília, no qual foi escolhido o projeto do urbanista Lúcio Costa. A União Democrática Nacional (UDN) foi contra a transferência da capital nacional do Rio de Janeiro para Brasília, e convocou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar irregularidades na construção de Brasília, em 1958. Essa CPI foi protelada até a inauguração do novo Distrito Federal, em 21 de abril de 1960.

O slogan adotado para o Plano de Metas foi “50 anos de progresso em 5 anos de realizações”. O Plano de Metas pretendeu atuar em cinco setores da economia nacional e estabeleceu várias metas para cada um deles, esses setores foram: energia, transportes, indústrias de base, alimentação e educação. Esses três primeiros setores mencionados receberam 93% dos recursos, e educação e alimentação contaram apenas com 7% dos investimentos. O resultado mais significativo do Plano de Metas foi o crescimento em 100% na indústria de base nacional.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 25 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 24 de Setembro de 2017
18:01
Município suspende aulas
11:00
Mundo fitness
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)