Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

30/01/2004 09:46

Fiscalização para impedir entrada de aves contaminadas

Priscilla Mazenotti/ABr

A importação de todos os produtos derivados de aves suspeitas de contaminação pelo virus Influenza Aviária - a gripe do frango -, em vários países da Ásia, está suspensa no Brasil. O Ministério da Saúde adotou medidas sanitárias e intensificou a fiscalização nos portos e aeroportos.

O gerente do Programa Nacional de Sanidade Avícola do Ministério da Saúde, Edson Vieira, alertou que o risco de a doença chegar ao Brasil existe, mas, para prevenir, tem sido feita até a fiscalização da bagagem de pessoas procedentes da Ásia

Edson Vieira informou que a suspensão da importação de produtos avícolas no país não vai afetar o abastecimento interno, lembrando que o mercado interno é totalmente suprido pelo frango nacional. Segundo o gerente, a gripe do frango pode estimular as exportações da ave brasileira. “O Brasil é o segundo maior exportador em volume e o primeiro em valor. Exportamos 30% do produto que produzimos e a tendência é aumentarmos esse número”, anunciou.

A gripe do frango é uma doença respiratória que atinge as aves, de modo geral. Nos seres humanos ela é fatal. O especialista em doenças de aves, Lúdio Matias Gomes, por sua vez, explicou que os sintomas nos animais são coriza, pescoço mole e alta mortalidade, mas, a identificação do mal só pode ser feita com um exame de laboratório.

Nos seres humanos, a doença atinge mais quem tem a imunidade baixa, com histórico de pneumonia, asma, entre outros, principalmente idosos e crianças. Lúdio explica que, para dar segurança às aves os criadores devem evitar que pessoas vindas dos países contaminados visitem os criadouros. “Ainda vou além, acho que até pessoas vindas da Europa devem ser proibidas de entrar em criadouros por, pelo menos, sete dias depois da chegada ao Brasil, só por segurança”, ensina.

Lúdio Gomes alerta que o contrabando de aves, além de crime, pode ser um fator de entrada da doença no país.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)