Cassilândia, Domingo, 24 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

19/03/2004 13:56

Fiscais dão trégua até 29 de março e aceitam negociar

Fernanda Mathias / Campo Grande News

Os fiscais agropecuários voltam a atuar na tarde de hoje por deliberação de reunião encerrada há pouco na DFA (Delegacia Federal de Agricultura) em Campo Grande desta vez em sintonia com a AFAMA ( Associação dos Fiscais Agropecuários em Mato Grosso do Sul). O presidente da AFAMA/MS, Helinton Rocha, explica, porém, que os fiscais vão continuar em alerta e se os pleitos não forem atendidos a greve por tempo indeterminado será deflagrada no dia 29 de março.
“Estamos dando um voto de confiança aos membros da mesa de negociação”, afirma. A mesa é composta pelo Ministério do Planejamento, da Agricultura, Casa Civil da Presidência da República, representante da Comissão de Agricultura da Câmara Federal, representada pelo deputado Waldemi Moka (PMDB-MS), pela Associação Nacional dos Fiscais Federais Agropecuários e empresários exportadores. Durante todo o fim de semana devem haver reuniões para encaminhar a questão. Os fiscais pedem 30% de reposição salarial e rejeitaram a última proposta feita pelo governo.
Para Rocha, os cinco dias de paralisação já serviram de amostra da importância da categoria para o agronegócio. Vários frigoríficos pararam os abates porque, mesmo com liminares, os embarques estão paralisados no porto de Paranaguá (PR). Lá mais de 100 navios estão ancorados sem poder embarcar e os containers, refrigerados e não refrigerados, estão com locação completa. “A previsão é que queda da arroba porque não há como estocar carne”, afirma.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 23 de Setembro de 2017
Sexta, 22 de Setembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)