Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/01/2006 10:49

Falsos funcionários do Votorantim aplicavam golpes em MS

Campo Grande News/ Inara Silva

Dois homens lesaram diversas pessoas no interior do Estado e chegaram a montar em Rio Brilhante, a 161 km de Campo Grande, uma falsa filial do Banco Votorantim. Roberto júnior Schemoller, 33 anos, e Luís Carlos Rocha, de 32 anos, foram presos e indiciados pela Polícia Civil de Rio Brilhante, acusados de estelionato. O escritório deles estava instalado em um mini-shopping no centro da cidade. A polícia informou que os dois se apresentavam como funcionários do banco e lesavam trabalhadores ao fornecerem empréstimos. Outra estratégia era oferecer empregos e cobrar até R$ 100,00 pela entrevista.
Uma das vítimas foi Victor de Souza Machado, 31 anos. Ele disse que a dupla ofereceu-lhe empréstimo, colheu seus dados pessoais e não lhe repassou a quantia solicitada. Victor então procurou a gerência da matriz do banco que informou que não havia nenhuma filial no município. Além dele, outras duas pessoas foram lesadas em rio Brilhante.
Como não foi pega em flagrante, a dupla foi liberada, entretanto os agentes informaram que, após ter sido indiciado, Luís Carlos fugiu da cidade. De acordo com informações do site Dourados News, os estelionatários também já fizeram vítimas em Nova Andradina. Uma delas que não quis ser identificada contou à policia que Carlos procurou a Agência Pública de Empregos de Nova Andradina e disse que o banco iria montar uma filial na cidade e precisava selecionar pessoal.
Para ser entrevistado, o trabalhador tinha que pagar R$ 100, que Carlos alegava ser para ajudar nos custos de um curso que teria que fazer. Após a entrevista, o golpista afirmou à vítima que iria até Rio Brilhante, onde o banco teria uma filial no shopping “Cometa” e que voltaria posteriormente a Nova Andradina. Como o fato não aconteceu a vitima ligou várias vezes no celular dele sem obter êxito.
Carlos, Roberto e um outro homem conhecido apenas por Marcos foram até a casa da vítima em um veículo VW/Gol, azul, e disseram para ela não se preocupar. O grupo novamente desapareceu. Além de Rio Brilhante, o caso é investigado pelo 1° DP de Nova Andradina.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)