Cassilândia, Terça-feira, 22 de Maio de 2018

Últimas Notícias

19/05/2011 11:46

Ex-vereador e assessor presos na Operação Câmara Secreta são soltos

Aline dos Santos, Campo Grande News

Presos desde 29 de abril, o ex-vereador de Dourados, Humberto Teixeira Júnior, e seu assessor Rodrigo Terra tiveram a prisão revogada. De acordo com o advogado Airton Stropa, a juíza da 1ª Vara Criminal, Dileta Terezinha de Souza Thomaz, entendeu que não havia mais motivo para a prisão.

Humberto Teixeira Júnior deixou a PHAC (Penitenciária Harry Amorim Costa) ontem à noite. O ex-vereador e Rodrigo Terra são acusados de participar de uma máfia de empréstimos consignados na Câmara de Dourados.

Além deles, foram denunciados o ex-vereador Sidlei Alves, que permanece preso, e o ex-diretor financeiro da Câmara, Amilton Salina, solto um dia depois da operação.

Realizada pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), a operação “Câmara Secreta” denunciou esquema envolvendo fraudes por meio de empréstimos consignados de servidores.

Os holerites eram falsificados pelo então diretor financeiro da Câmara, a mando dos dois vereadores. Os valores eram aumentados em até cinco vezes, para conseguir emprestar grandes somas. Dos denunciantes, dois eram servidores fantasmas.

Gravações da operação apontam que o ex-vereador Humberto Teixeira Júnior pagou propina de R$ 5 mil para que a fraude nos empréstimos consignados não fosse denunciada.

Humberto Teixera Júnior e Sidlei Alves já foram presos outras duas vezes, em operações da PF (Polícia Federal). Em 2009, a prisão foi durante a operação Owari.

No ano passado, após a operação Uragano, Sidlei renunciou ao mandado de vereador depois de passar 90 dias na cadeia. Texeira Júnior teve o mandato cassado em processo por quebra do decoro parlamentar.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 22 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)