Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/10/2015 11:05

Ex-secretária de Educação contesta informação de fechamento de escola

Redação

A ex-secretaria de Educação Salete Santin postou no Facebook um comentário sobre a possibilidade do fechamento de uma escola municipal feito pelo professor Rogério Tenório.

Leia: 

"Eu li o q o professor escreveu. . Eu trabalho dentro da Secretaria de Educação como coordenadora pedagógica e não tenho conhecimento deste assunto. O levantamento de tempo de serviço dos professores é justamente para resguardar os direitos adquiridos no magistério pelos mesmos. Caso contrário não é do meu conhecimento."

Há um sentimento generalizado de que somos chamados para referendar decisões desta secretaria, não para decidir. Como no exemplo do calendário, fazemos reuniões todo final de ano, apresentamos propostas, mas nunca fica da forma como a categoria propõe. E o que dizer das mudanças de matriz curricular, de ementa? Não há diálogo possível quando se escuta de seus superiores diretos que o tom das reuniões na secretaria é exonere-se, imponham o poder que tem em mãos. A propósito, SE MANIFESTAR QUANTO AO TEMPO DE SERVIÇO PRESTADO A ESSE MUNICÍPIO não é respeitar direito de liberdade de expressão de ninguém, é meramente pedir informações, esclarecimentos sobre dados que deveriam estar devidamente arquivados e a mão por burocratas desta secretaria. Você está confundindo alhos com bugalhos.
 
Rogério Tenório de Moura em 15/10/2015 11:42:18
Sugiro, Telma, que seja mais clara quanto ao que quis dizer e a quem você direciona a sua colocação sobre "prefiram criticar do que colaborar", pois creio que meu papel enquanto professor tenho feito a contento, se tenho de alguma maneira deixado a desejar é sua obrigação enquanto coordenadora me orientar de maneira imparcial e polida, pois expor um profissional a situações públicas de constrangimento caracteriza CRIME DE ASSÉDIO MORAL! A LDB cobra que nós, professores, devemos formar cidadãos críticos, mas nós mesmos não podemos ser? Contestar não é desrespeitar. Acho que quem pensa assim não está preparado para essa tão propalada gestão democrática, que, na prática, não sentimos na Secretaria Municipal de Educação, a começar por decisões básicas como o calendário escolar
 
Rogério Tenório de Moura em 15/10/2015 11:32:46
MEU RESPEITO A ESSA EDUCADORA QUE FEZ DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL DE CASSILÂNDIA ,UMA EDUCAÇÃO RESPEITADA,PORÉM, TODOS SABEMOS,QUE A EDUCAÇÃO TEM PASSADO POR MUITAS REVIRAVOLTAS.
ESTA SECRETARIA ,NA QUAL TRABALHO ATUALMENTE,NÃO TEM MEDIDO ESFORÇOS PARA QUE ESSA REORGANIZAÇÃO ACONTEÇA, RESPEITANDO O DIREITO DE TODOS,INCLUSIVE DE SE MANIFESTAR QUANTO AO TEMPO DE SERVIÇO PRESTADO A ESSE MUNICÍPIO.
É LAMENTÁVEL QUE ALGUNS PREFIRAM CRITICAR DO QUE COLABORAR PARA O BOM ANDAMENTO DE NOSSA EDUCAÇÃO MUNICIPAL.
 
telma em 15/10/2015 08:34:22
Verdades da Profissão de Professor
Ninguém nega o valor da educação e que um bom professor é imprescindível. Mas, ainda que desejem bons professores para seus filhos, poucos pais desejam que seus filhos sejam professores. Isso nos mostra o reconhecimento que o trabalho de educar é duro, difícil e necessário, mas que permitimos que esses profissionais continuem sendo desvalorizados. Apesar de mal remunerados, com baixo prestígio social e responsabilizados pelo fracasso da educação, grande parte resiste e continua apaixonada pelo seu trabalho.
A data é um convite para que todos, pais, alunos, sociedade, repensemos nossos papéis e nossas atitudes, pois com elas demonstramos o compromisso com a educação que queremos. Aos professores, fica o convite para que não descuidem de sua missão de educar, nem desanimem diante dos desafios, nem deixem de educar as pessoas para serem “águias” e não apenas “galinhas”. Pois, se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda.
Paulo Freire
 
TELMA em 15/10/2015 08:19:42
Fico muito feliz pelo seu desconhecimento do assunto, dona Salete, afinal a senhora é uma das funcionárias mais antigas da Secretaria Municipal de Educação e há décadas trabalha no administrativo dela, portanto deve realmente saber do que está falando. No mais, não disse que uma escola vai fechar, todos os que acompanharam meus posts leram que os verbos estão preponderantemente no futuro do pretérito do indicativo e qualquer um que teve um bom professor de Língua Portuguesa sabe qual a função desse tempo e modo verbal. Ainda assim, o fato de a secretaria não ter o controle do tempo de serviço de cada professor nas escolas em que lecionam, a ponto de ter de pedir tais dados para os próprios docentes, é um claro indício de que há algo de muito errado em sua organização.
 
Rogério Tenório de Moura em 14/10/2015 14:22:39
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)