Cassilândia, Sexta-feira, 30 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

10/10/2020 11:30

Evento aborda uso de ingredientes alternativos para melhorar saúde animal

Iniciativa integra a programação da 63ª Semana Luiz de Queiroz, da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”

Governo de SP
Evento aborda uso de ingredientes alternativos para melhorar saúde animal

Inserido na programação da 63ª Semana Luiz de Queiroz, o segundo encontro do A5 Alliance Webinar, com o tema Bio-inputs in animal feeding, foi realizado nesta quarta-feira (7). A discussão teve foco no uso de ingredientes e aditivos alternativos para melhoria de desempenho e saúde animal.

Moderado pela professora Carla Bittar, do departamento de Zootecnia da Esalq, o painel contou com a participação dos professores Richard Zinn, da University of California – Davis, pesquisador na área de bovinos de corte; Cao Zhijun da China Agricultural University, que trabalha com bovinocultura leiteira e Brunno Cerozi, do departamento de Zootecnia da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (Esalq/USP), que trabalha com a integração de aquicultura-agricultura.

Conteúdo

A conversa começou com uma breve introdução de Carla Bittar sobre o aumento da demanda de proteína de origem animal, associada à preocupação com a sustentabilidade da produção de alimentos e a pressão dos consumidores para uso de alternativas mais naturais na alimentação. “Os aditivos alternativos parecem ser uma ferramenta fundamental para atender aos desafios ambientais de amanhã e às expectativas dos consumidores”, ressaltou a docente.

Richard Zinn falou sobre o uso de monensina, molécula descoberta há cerca de 50 anos, que é o aditivo mais utilizado na alimentação de gado em todo o mundo. O pesquisador fez um breve histórico do uso de monensina nos confinamentos e justificou seu uso devido às respostas consistentes em termos de melhor eficiência alimentar e auxílio no controle de distúrbios metabólicos em pesquisas no mundo todo. “Embora tenhamos outros aditivos, os resultados nem sempre são replicáveis, o que torna incerto o resultado positivo em desempenho animal”, ponderou o docente de Davis.

Ao considerar aditivos alternativos como óleos essenciais, Zinn disse que estes podem trazer benefícios em algumas situações, mas que o custo destes produtos ainda inviabiliza sua adoção mais ampla, especialmente no Brasil e nos Estados Unidos, onde o custo das dietas é mais baixo em relação ao que se tem na Europa.

Na sequência, Carla Bittar passou o diálogo para o uso desses aditivos em bovinocultura leiteira, chamando atenção para o grande uso de antibióticos nos diferentes sistemas de produção. Cao Zhijun descreveu alguns problemas com o fornecimento de leite com resíduos de antibióticos para bezerros, o que pode trazer problemas de resistência.

Ele abordou o uso de alguns aspectos da Medicina Tradicional Chinesa que podem ser utilizados para o tratamento de mastites e também diarreias em bezerros. “O controle da qualidade dos alimentos pode evitar uma série de problemas e reduzir a necessidade de uso tanto de antibióticos quanto de aditivos alternativos”, salientou. Além disso, Cao Zhijun enfatizou que a abordagem deve ser mais de profilaxia do que de tratamento para aumento no desempenho e saúde dos animais.

Aquicultura

Já na área de aquicultura, o setor de produção animal com maior crescimento nos últimos anos, Brunno Cerozi falou sobre alguns dilemas da intensificação como o uso de farinha de peixe piscicultura, o uso de antibióticos e problemas com o meio ambiente. Porém, ele descreveu também inúmeras alternativas para a alimentação dos animais com vistas a menor ocorrência de doenças e maior desempenho como prebióticos, probióticos, enzimas, bioflocos, e até o uso de larva de insetos como fonte de proteína. Cerozi chamou atenção para aspectos de sustentabilidade na produção e também da possibilidade de produção circular à medida que a aquicultura e agricultura podem estar ligadas.

As explicações reforçaram a questão dos desafios ambientais para os animais e como diferenças nestes aspectos podem resultar em maiores ou menores respostas destes aditivos.

“Falamos sobre a importância de resultados consistentes para que determinados aditivos possam ser adotados de forma rotineira dentro dos diferentes sistemas de produção animal. Além disso, a importância de pesquisa em universidades e centros de pesquisa como central para a geração de resultados válidos”, sintetizou Carla Bittar.

Toda a programação da 63ª Semana Luiz de Queiroz ocorre exclusivamente em formato virtual e pode ser conferida pelos perfis @esalqmidias no YouTube, Facebook e LinkedIn.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 29 de Outubro de 2020
Quarta, 28 de Outubro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)