Cassilândia, Sábado, 24 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

18/09/2020 09:20

Estudante morre após procedimento estético em clínica na fronteira

Ela chegou a ser internada no Hospital Regional de Ponta Porã com complicações pulmonares graves

Midiamax
Sheiza era do Mato Grosso e estudava estética. (Foto: Reprodução/ Redes sociais)Sheiza era do Mato Grosso e estudava estética. (Foto: Reprodução/ Redes sociais)

Sheiza Ayala , de 22 anos, uma estudante do Mato Grosso, morreu após se submeter a procedimento estético em clínica de Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul. Ela chegou a ser internada no Hospital Regional de Ponta Porã, mas chegou à unidade brasileira em estado grave e não resistiu.

Segundo informações até agora apuradas pela polícia, Sheiza foi até a clínica no sábado, dia 12 de setembro, onde supostamente passou por procedimento para aplicação de hidrogel. O produto é usado para preenchimento e aumento de volume em regiões como glúteos e coxas.

No domingo a estudante , que cursava estética desde o início do ano, começou a passar mal e foi internada. Conforme apurado pela reportagem, inicialmente a jovem foi levada para unidade hospitalar do lado paraguaio da fronteira, mas a gravidade em seu estado de saúde fez com que fosse transferida para o Hospital Regional de Ponta Porã já em estado grave. Sua morte foi confirmada nesta quinta-feira.

Sheiza deu entrada na unidade com hemorragia e complicações pulmonares graves. A médica responsável pela aplicação do produto seria especializada em obstetrícia. Ainda conforme os sites locais, logo após a morte da jovem, conversas entre as duas foram divulgadas nas redes sociais.

Nas mensagens, a vítima conta a médica que passou mal, mas em resposta ouve que estava com crise de ansiedade e que deve descansar.

Amigos e familiares usaram as redes sociais para lamentar a morte da jovem. No perfil do Facebook, o pai da menina compartilhou uma foto da filha com uma única frase: “Gente, me desculpe não tenho palavra”.

A morte também foi comunicada no Instagram de Sheiza. “É com muito pesar que comunicamos o falecimento da nossa prinsheiza. Que ela descanse em paz”. Mais de 6 mil pessoas seguem o perfil na rede social, que também atuava como influencer digital.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 24 de Outubro de 2020
Sexta, 23 de Outubro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)