Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/06/2016 15:30

Estado Islâmico cria grupo no Brasil e preocupa autoridades

Midiamax

Um grupo de apoio à organização jihadista Estado Islâmico, no aplicativo Telegram, tem preocupado a Abin (Agência Brasileira de Inteligência) sobre o risco de um atentado no País, de acordo com nota publicada pela instituição. O maior receio é de que ocorra um ataque durante os Jogos Olímpicos do Rio.

A Abin confirmou que um grupo intitulado Nashir Português tem se articulado para ‘difundir informações voltadas à doutrinação extremista’. O nome do grupo faz referência à agência de notícias Nashir News Agency, coordenada pela organização terrorista e que age como sua porta-voz.

Na nota, a Abin afirma que “o compartilhamento desses conteúdos em grupos de troca de mensagens instantâneas é uma estratégia utilizada não apenas no Brasil. Organizações terroristas têm empregado ferramentas modernas de comunicação para ampliar o alcance de suas mensagens de radicalização direcionadas, em especial, ao público jovem”.

Em entrevista ao jornal O Globo, o secretário de Segurança do governo fluminense, José Mariano Beltrame, afirmou que não possui conhecimento sobre articulações da Abin e do Ministério da Defesa em relação à ação desse tipo de grupo. “Isso não chegou a nós. Se a Abin tem essa informação, deve trabalhar para desbaratar esse grupo”, afirma.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)