Cassilândia, Quarta-feira, 28 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

22/08/2020 08:20

Eleições 2020: o que é liberado ou não durante o período de pré-campanha

Pré-candidatos a vereador e prefeito não podem fazer pedido de votos até o período oficial de propaganda eleitoral

Midiamax
Eleições 2020: o que é liberado ou não durante o período de pré-campanha

Como o prazo para definição dos candidatos a prefeito ainda não começou, o período atual das Eleições Municipais 2020 ainda é de pré-campanha. No artigo 36, da Lei nº 9.504/1997, são definidas as normas para propaganda eleitoral. Assim, no artigo 36 A são definidos os limites para os pré-candidatos.

Com a alteração da data das Eleições, devido a pandemia do coronavírus, as votações acontecerão em 15 e 29 de novembro. Então, as datas no calendário eleitoral também foram alteradas. Sendo assim, os partidos oficializarão os candidatos a vereador e prefeito entre 31 de agosto e 26 de setembro.

Até lá, os nomes lançados pelas legendas são pré-candidatos. Estes, podem fazer pré-campanha, desde que não peçam votos nas falas e publicações virtuais. De acordo com a Lei nº 9.504/1997, não será considerada propaganda eleitoral antecipada “desde que não envolvam pedido explícito de voto”. Esses pedidos explícitos podem ser com o uso de palavras e termos como: “apoiem”, “votem”, ou “elejam”.

O que pode na pré-campanha?
Então, os pré-candidatos estão liberados para realizar discursos de pretensão a candidatura e sobre qualidades pessoais. Além disto, podem participar de entrevistas, programas, encontros ou debates no rádio, na televisão e na internet.

Assim, durante pré-campanha os possíveis candidatos podem participar de reuniões de iniciativa da sociedade civil, de meio de comunicação ou do próprio partido. Podem também divulgar posicionamentos políticos nas redes sociais e atos de parlamentares e debates legislativos.

Por fim, são permitidos encontros, seminários ou congressos com custo dos partidos políticos, “para tratar da organização dos processos eleitorais, discussão de políticas públicas, planos de governo ou alianças partidárias visando às eleições”. Assim, essas atividades podem ser divulgadas em veículos de comunicação apartidários. Bem como pode haver “distribuição de material informativo, divulgação dos nomes dos filiados que participarão da disputa e a realização de debates entre os pré-candidatos”.

 

Período de propaganda eleitoral – Nas Eleições 2020 o período de propaganda eleitoral começa em 27 de setembro e vai até 12 de novembro. De 9 de outubro até 12 de novembro iniciará a campanha eleitoral obrigatória no rádio e na TV, em relação ao primeiro turno.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 27 de Outubro de 2020
Segunda, 26 de Outubro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)