Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

05/07/2005 14:11

Egon quer gerar renda incentivando produção da mandioca

Marina Miranda / Campo Grande News

O vice-governador e secretário de Planejamento, Ciência e Tecnologia, Egon Krakhecke, defendeu a ampliação dos incentivos à produção de mandioca como meio de fortalecer a agricultura familiar e gerar empregos no campo. Segundo informações da Agência Popular de Notícias, Egon afirma que as pesquisas científicas e a inovação tecnológica podem gerar respostas para impulsionar a produção. O vice-governador participou, esta manhã, do ato de lançamento do 11º Congresso Brasileiro da Mandioca, que acontecerá em Campo Grande entre os dias 25 e 28 de outubro.
Em Mato Grosso do Sul a cadeia produtiva da mandioca - do plantio ao processamento - envolve direta e indiretamente - 20 mil postos de trabalho. A cultura ocupa 30 mil hectares, principalmente em pequenas propriedades da agricultura familiar tradicional e dos assentamentos da reforma agrária.
Para Egon, o evento aponta a importância do setor no Estado. O lançamento do Congresso Brasileiro da Mandioca aconteceu na manhã desta terça-feira no auditório do Sebrae, na Capital, e reuniu os chefes-gerais da Embrapa, Mário Urchei (Agropecuária Oeste) e José Carlos do Nascimento (Mandioca e Fruticultura), o representante do Ministério da Ciência e Tecnologia, Leonardo Hamú, do Ministério da Integração Nacional, Frederico Valente, do Bando do Brasil, Loureno Budke, o superintendente Federal de Agricultura, José Antônio Felício, o coordenador da câmara setorial da mandioca em MS, Carlos Gonçalves, representantes da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Uniderp (Universidade para o Desenvolvimento do Pantanal) e UCDB (Universidade Católica Dom Bosco). O evento é promovido pelo governo do Estado e realizado pelos centros de pesquisa da Embrapa Agropecuária Oeste (Dourados-MS) e Mandioca e Fruticultura Tropical (Cruz das Almas-BA).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)