Cassilândia, Sexta-feira, 28 de Julho de 2017

Últimas Notícias

29/01/2005 08:41

Economista alerta produtor para preço do leite

Aline Rocha / Campo Grande News

O preço do leite em Mato Grosso do Sul está elevado. Os pecuaristas estão vendendo o está vendendo seu produto, em média, por R$ 0,50 o litro. Em plena safra, essa situação no Estado é atípica das demais regiões do País. Esse valor é uma diferença de 40% em relação ao mesmo período do ano passado, quando o preço pago ao produtor não ultrapassava os R$ 0,30. A informação é da Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul).
Para a consultora da Funar (Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural) e coordenadora da Câmara Setorial do Leite, Adriana Mascarenhas Braga, isso é bom para os pecuaristas, nem tanto para as indústrias. A economista diz que o produtor precisa aproveitar o momento, mas é preciso cautela. “Tem produtor que está deixando de vender para uma indústria para comercializar leite com outra por causa de alguns centavos”, comenta, informando que a negociação pode se reverter e o comprador certo pode ir atrás de outros fornecedores.
A explicação para a alta do preço pago ao produtor está na aquisição do produto. Conforme a economista, a produção do Estado está sendo menor que a demanda das indústrias e está havendo uma disputa pela matéria-prima.
Os únicos preços que não diminuíram são os dos supermercados. Enquanto os laticínios estão vendendo o quilo da mussarela por até R$ 6, os consumidores estão pagando até R$ 19, uma diferença de 280%

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 28 de Julho de 2017
Quinta, 27 de Julho de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 26 de Julho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)