Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/05/2016 10:10

Duas pessoas morrem com suspeita de gripe A e três aguardam vaga em UTI

Helio de Freitas, Campo Grande News

 

Duas pessoas com suspeita de gripe transmitida pelo vírus H1N1 morreram ontem (30) no Hospital da Vida, em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande. Os óbitos são dois homens, um de 36 anos, que morava em Glória de Dourados, e outro de 78, de Rio Brilhante. Nos dois casos foi feita a coleta de material para exame para confirmar a doença, mas o resultado ainda não foi divulgado.

Única unidade de urgência e emergência “de porta aberta” a atender pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde) de toda a região, o Hospital da Vida enfrenta superlotação na área vermelha devido aos casos suspeitos de gripe suína.

A situação fica ainda pior porque familiares dos pacientes denunciam que o HU (Hospital Universitário), unidade referência regional em doenças infectocontagiosas, se nega a receber os doentes que precisam de internação em área de isolamento. O hospital é ligado à UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados).

O Campo Grande News apurou que até ontem, quatro pacientes com sintomas de gripe H1N1 estavam internados no Hospital da Vida com pedidos de vaga na UTI do HU e todos negados.

Um dos pacientes, um homem de 48 anos de idade, foi transferido para um leito de UTI do Hospital Evangélico, que é particular, após 11 tentativas fracassadas de remoção para o HU. É o único douradense da fila.

Mais pacientes – Os outros três que aguardam vaga na UTI do Hospital Universitário são uma mulher de 33 anos moradora em Laguna Carapã, internada no Hospital da Vida no dia 29, um idoso de 77 anos, de Naviraí, transferido para Dourados no dia 26, e um adolescente de 17 anos, também de Naviraí.

O adolescente foi trazido para o hospital de Dourados após passar mal por uso de álcool e drogas. No hospital foi constatada a infecção pulmonar por suspeita de gripe H1N1.

Em nota encaminhada ontem à tarde pela assessoria, o HU disse que as vagas nos leitos de UTI são disponibilizadas na medida em que são liberadas e que a situação é acompanhada pela Central de Regulação.

“O HU-UFGD, como referência regional em doenças infectocontagiosas, possui dez leitos de isolamento respiratório, divididos da seguinte maneira: dois leitos de enfermaria para adultos, três leitos de UTI para adultos, dois leitos de UTI pediátrica, um leito de UTI Neonatal e dois leitos de enfermaria pediátrica. Hoje (30), todos esses leitos estão ocupados, mas o hospital tem feito adaptações para receber o maior número de pacientes possível”, informou o hospital.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)