Cassilândia, Domingo, 20 de Maio de 2018

Últimas Notícias

22/09/2005 08:31

Dinheiro foi usado para pagar campanha de Lula, diz ex

Agência Senado

O ex-deputado federal Carlos Rodrigues negou ter recebido R$ 400 mil do empresário Marcos Valério Fernandes de Souza; afirmou que só chegaram às suas mãos R$ 250 mil. Segundo ele, o dinheiro foi utilizado para pagar despesas contraídas pelo Partido Liberal para bancar a campanha do então candidato Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República, no Rio de Janeiro, em 2002.

Em depoimento prestado na tarde desta quarta-feira (21) à CPI dos Bingos, Carlos Rodrigues revelou que, depois da realização do primeiro turno, quando apoiou informalmente o candidato Anthony Garotinho, foi chamado para uma reunião, na sede do Partido dos Trabalhadores, em São Paulo. Participaram do encontro o presidente do PL, Valdemar Costa Neto, o então presidente do PT, José Dirceu, e o candidato petista ao governo de São Paulo, José Genoíno.

- Depois de elogiarem o desempenho do PL na eleição do Rio de Janeiro, quando conseguimos eleger o senador Marcelo Crivella, quatro deputados federais e vários estaduais, disseram que precisavam do nosso apoio para a candidatura de Lula no segundo turno. Concordei. Ao voltar para o Rio, procurei a sede do PT para conseguir camisetas, papel, gasolina, carro... Não me deram nada - afirmou Carlos Rodrigues.

Segundo o ex-deputado, como o PL também estava sem recursos, telefonou para Valdemar Costa Neto para contar que o PT não tinha dinheiro para a campanha. O presidente do PL, informou Carlos Rodrigues, orientou que fossem contraídas dívidas, que o Partido dos Trabalhadores acertaria depois. O depoente disse que, após a eleição, passou a cobrar de Valdemar os recursos financeiros prometidos.

- Infelizmente, o PT só foi pagar um ano e seis meses depois, com esse dinheiro sem origem declarada que terminou me custando o mandato - lamentou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
Sábado, 19 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 18 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)