Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

24/01/2014 14:36

Dias após matar motociclista, jovem é atropelado e fica em estado vegetativo

Campo Grande News

Após dois meses de investigação, a 2ª Delegacia de Polícia, em Campo Grande, identificou o autor de um homicídio no trânsito, que estava embriagado na ocasião e não possui CNH (Carteira Nacional de Habilitação). Ironia do destino ou não, Roney Menezes Rodrigues, 25 anos, está internado em estado vegetativo na Santa Casa, após ter sido atropelado na madrugada do dia 1° de janeiro deste ano.

Além de Roney, oito pessoas, incluindo duas crianças, estavam em um veículo Vectra. Eles passaram o dia em uma fazenda de Rochedo, a 74 quilômetros da Capital. Após um dia inteiro de festa, na qual Roney inclusive ingeriu bebida alcoólica, de acordo com o delegado Weber de Medeiros, responsável pelas investigações, as pessoas voltavam pra casa, por volta das 1h da madrugada do dia 18 de novembro de 2013.

Ao passar pela avenida Mascarenhas de Moraes, no bairro Monte Castelo, Roney atropelou o motociclista Luan Christian Braga Vaz, 18 anos. Em estado gravíssimo, ele foi levado para a Santa Casa e morreu logo depois. A vítima retornava do Shopping Bosque dos Ipês, onde era funcionário. O motorista fugiu, sem prestar socorro.

A Polícia foi informada do atropelamento e iniciou as buscas pelo motorista. Peças do carro ficaram no local e foram primordiais para a identificação de Roney. “A cor do carro é específica de modelos do ano 97 e 98, então começamos a pesquisar os possíveis motoristas. Um após um, conseguimos identificá-lo e inclusive entrar em contato com testemunhas e a namorada o autor”, conta ao Campo Grande News o delegado.

Ironia ou não? As pessoas que estavam no carro confessaram a fuga após o acidente. Eles também disseram que Roney pegou uma moto e foi atropelado na madrugada do réveillon, em uma rotatória do bairro Portal Caiobá. Da mesma maneira, o autor fugiu e ele permanece em estado grave na Santa Casa.

Os investigadores da 2ª DP continuaram com as diligências e encontraram o veículo no bairro Campo Verde, ao lado do corredor do Nova Lima. “Não houve conserto no Vectra e encaixamos as peças exatamente no lugar. A pessoa que ‘escondeu’ o carro também será indiciada por favorecimento real, assim como as testemunhas que não informaram a Polícia”, garante o delegado.

Roney poderá ser indiciado por homicídio culposo (sem intenção de matar), embriaguez no trânsito, falta de permissão para dirigir e omissão de socorro. Ele possui diversos outros delitos no trânsito.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)