Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/01/2006 07:24

Devido ao ICMS, 61 postos de combustíveis foram fechados

Laureane Schimidt/Campo Grande News

Em Mato Grosso do Sul, 61 dos 150 postos de combustíveis localizados nas rodovias estão fechados, revela dados do SINPETRO/MS (Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis Automotivos, Lubrificantes e Lojas de Conveniência de Mato Grosso do Sul). O motivo é a queda, cada vez mais acentuada, na venda de óleo diesel. Somente em 2005, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, a queda foi de 10,1%, que representa mais de 100 milhões de litros. Os demais estabelecimentos correm risco de ter o mesmo destino e que gerou, nos últimos anos, mais de 2.000 desempregos no setor, segundo aponta o SINPETRO/MS. O governador, de acordo com a entidade, elevou a alíquota do ICMS do óleo diesel para 17% com a promessa de baixar para 12% no prazo de um ano.
Segundo o presidente do SINPETRO, Carlos Bonatt, já se passaram sete anos e o governo não cumpriu a palavra. "O quadro nas rodovias continua crítico. Muitos postos estão na iminência de fechar. Outros promoveram drásticas reduções de custos, dispensando inclusive empregados, para poderem se manter no mercado por mais tempo”.
Bonatto lembra que os Estados de Minas Gerais e Goiás, que reduziram para 12% a alíquota do ICMS do óleo diesel, também temiam queda na arrecadação, o que não ocorreu devido ao aumento do volume de venda.
Bonatt disse ainda que a maioria dos caminhoneiros que entram no Estado possui tanques capazes de evitar que abasteçam em postos localizados em Mato Grosso do Sul. Os postos fechados estão localizados principalmente na região de divisa com os Estados de São Paulo, Minas Gerais e Paraná, onde a alíquota do ICMS do diesel é de 12% contra os 17% cobrados em Mato Grosso do Sul.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)