Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

21/09/2007 21:22

Detidos estelionatários que fraudavam seguro desemprego

Nielmar de Oliveira /ABr

Rio de Janeiro - Agentes do Núcleo de Operações da Delegacia de Polícia Federal em Nova Iguaçu prenderam nesta sexta-feira (21), em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, Elcimar de Faria Nascimento, de 46 anos, e Aline Barbosa Severino, de 20, acusados de integrar uma quadrilha de fraudadores do seguro desemprego.


A operação foi desencadeada em atendimento a três mandados de prisão e outros três de busca e apreensão expedido pelo juiz Marcelo Ferreira de Souza, da 6a Vara Federal.

O delegado da Polícia Federal Laior Pina Cervino informou que a apreensão de um laptop e de farto material detalhando a maneira de operar da quadrilha poderá levar a outras prisões.

“Ao obtermos dados deste nível, abre-se um leque de investigação muito grande para outros casos. Porque cada fraude gera um inquérito. E ao retirar uma quadrilha desta de operação, nós conseguimos resolver vários outros inquéritos, a partir do modus operandi do grupo, geralmente semelhante ao de outros fraudadores”, explicou o delegado.

Um terceiro envolvido, cujo nome não foi revelado pela Polícia Federal, conseguiu escapar ao cerco montado pela polícia.


Os envolvidos atuavam a partir de nomes de trabalhadores passíveis do recebimento do seguro desemprego. A partir daí, criavam identidades semelhante para que pessoas do grupo pudessem receber o benefício.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)