Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

16/06/2004 14:16

Desemprego entre jovens é o dobro do existente

Cecília Jorge/ABr

Com um número de jovens comparado à população total da Argentina, o Brasil tem a quinta maior população juvenil do mundo, segundo dados do Fundo de População das Nações Unidas. São cerca de 35 milhões de pessoas entre 15 e 24 anos. O tamanho dos problemas que atingem essa parcela de brasileiros é revelado pelas estatísticas.

Oito milhões de jovens têm baixa escolaridade, tendo pelo menos cinco anos de atraso na série escolar; e 3,3 milhões nem sequer freqüentam a escola. De acordo com estudo do Ministério do Trabalho, os jovens correspondem a 23% da população economicamente ativa, mas o desemprego entre eles é duas vezes maior do que em qualquer outra faixa etária.

Mesmo com tantos problemas, o país ainda não possui uma política nacional para a juventude. É o que a Conferência Nacional de Juventude está querendo mudar. Promovido pela Comissão Especial da Câmara dos Deputados, destinada a acompanhar e estudar propostas de políticas públicas para a juventude, o encontro reúne, até sexta-feira, 2 mil jovens e políticos para discutir o tema, em Brasília.

“Isso nunca foi colocado como um objetivo a ser alcançado. Cada ministério, cada estado, cada município enfrenta isso a seu modo. Essa batalha a juventude perdeu e agora quer reverter isso. A juventude é a grande vítima da violência, do desemprego, da discriminação, da exclusão de determinadas políticas. Então, agora a juventude está se mobilizando”, disse o ministro Nilmário Miranda, da Secretaria de Estado dos Direitos Humanos.

Para Nilmário Miranda, o protagonismo jovem será o grande responsável pela mudança na atuação política. “No Brasil, sempre foi assim, quando a juventude se mobiliza alguma coisa acontece. Ela foi fundamental na abolição da escravidão, na revolução de 30, no fim da ditadura do Estado Novo, pelo impeachment do Collor e pela ética na política. Nos grandes momentos da história, a juventude foi fundamental. Agora, está na hora da juventude ser fundamental para ter uma política para ela própria, que ela ajude a construir e mobilize a nação em torno dessa política”, defendeu o ministro.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)