Cassilândia, Sábado, 25 de Maio de 2019

Últimas Notícias

02/02/2019 15:00

Depois de incêndio, adolescente denuncia mãe por prostituição infantil

O caso aconteceu nesta madrugada. Após o combate as chamas, todos os envolvidos foram levados para a delegacia, onde a menina acabou relatando os abusos

Campo Grande News

Após um incêndio na casa em que morava, uma adolescente de 13 anos acabou denunciando a mãe por prostituição infantil em Sidrolândia –a 71 quilômetros de Campo Grande– na madrugada deste sábado (2). Na delegacia, a menina contou que era obrigada a manter relações sexuais com homens que a mulher levava para casa em troca de dinheiro.

Conforme informações do site Sidrolândia News, o incêndio começou na madrugada deste sábado e o Corpo de Bombeiros foi acionado. Na casa, estavam a adolescente e um rapaz, de 25, que não ficaram feridos. Enquanto os militares combatiam às chamas, o homem, visivelmente embriagado, começou a atrapalhar as equipes.

A Polícia Militar foi chamada para conter o suspeito e encontrou uma faca em sua cintura. Populares afirmaram ainda que o homem havia confessado minutos antes da chegada dos militares ter ateado fogo na casa, que pertencia a mãe da adolescente, e ele acabou preso.

As equipes ainda trabalhavam no local quando a proprietária da casa chegou. Mesmo com a presença dos policiais, mãe e filha começaram uma discussão e acabaram levadas para a delegacia, junto com o rapaz preso.

Revelação – No caminho, a menina de 13 anos contou aos policiais que namorava o suspeito e que o incêndio aconteceu durante uma briga entre os dois. Na versão dela, durante a discussão acendeu uma das bocas do fogão e quando percebeu as chamas já estavam sem controle.

Já na delegacia, ela continuou os relatos. Afirmou que quando mais nova foi estuprada pelo padrasto e que depois disso a mãe a obrigava a manter relações com vários homens em troca de dinheiro. Segundo o depoimento da menina, os abusos aconteceram até seus 11 anos.

O Conselho Tutelar acompanhou o caso e a Polícia Civil instaurou inquérito para investigar os crimes de estupro de vulnerável e prostituição infantil.

O suspeito de 25 anos também será investigado por estupro, já que mesmo consensual, manter relação sexual com menores de 14 anos é crime segundo o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 25 de Maio de 2019
Sexta, 24 de Maio de 2019
10:00
Receita do Dia
07:20
Atenção motoristas e ciclistas
Quinta, 23 de Maio de 2019
22:00
Loterias
21:45
Loterias
21:42
Loterias
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)