Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

28/03/2013 10:42

De olho na Lei Seca, Polícia começa operação em rodovias estaduais

Campo Grande News/ Paula Maciulevicius e Luciana Brazil

Começou nesta quinta-feira a operação “Semana Santa”, realizada pela Polícia Militar Rodoviária nas estradas estaduais de Mato Grosso do Sul. De hoje até à meia-noite de segunda-feira, o efetivo foi reforçado em 120 policiais com o foco na Lei Seca de que “Bebida e Direção não combinam”.

Nesta manhã os policiais realizam nas oito bases e também no início da MS-060, saída para Sidrolândia, em Campo Grande, ações educativas com a entrega de materiais orientando motoristas quanto à Lei Seca e velocidade. Pela tarde a fiscalização será intensificada.

O comandante do 14º Batalhão da Polícia Militar Rodoviária, tenente coronel Jonildo Theodoro Oliveira, pede atenção aos motoristas nos trechos considerados mais perigosos. “A MS-060 que vai para Bonito e Bodoquena, tem a MS-162 que é para quem vai para Ponta Porã, a 164 e a 141 que vai para Naviraí, Ivinhema, Deodápolis e Nova Andradina, são as que concentram maior fluxo”, alerta.

No mesmo período do ano passado, a Polícia registrou 15 acidentes com três mortes. Focando na Lei Seca, o comandante falou da orientação que tem sido passada aos condutores, sobre as mudanças na Lei Seca.

“O limite ficou muito pequeno é de 0,04 mg/l. O bafômetro que constatar até 0,34mg/l sujeita o motorista a sanções administrativas que é a multa de R$ 1,9 mil, mais suspensão da carteira, sete pontos e veículo apreendido. Já quem passar disso, é crime de embriaguez ao volante, afiançável, mas pode ter a carteira caçada”, explica.

A atenção também deve ser em relação a chuva, quando os motoristas precisam ter cuidado redobrado nas estradas, além de respeitar a sinalização e o limite de velocidade da rodovia. Condutores precisam checar antes de pegar a estrada, a documentação do veículo. O alerta é principalmente para aqueles motoristas que compraram carros seminovos e podem estar com os documentos em atraso.

Parte da ação educativa envolveu crianças do Cematran (Centro Educativo de Múltiplas Atividades de Trânsito), organização que atende crianças e adolescentes de 7 a 17 anos da região do Jardim Monumento. “Há três anos participo do projeto, o que mais gosto é de alertar os motoristas para que não sofram nenhum acidente”, comentou Tamíris Aparecida dos Santos da Silva, 11 anos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)