Cassilândia, Terça-feira, 27 de Junho de 2017

Últimas Notícias

10/01/2005 09:06

Dagoberto recebe relatório sobre aftosa hoje às 15h

Cristiane Sandim

O secretário de Estado da Produção e do Turismo (Seprotur), Dagoberto Nogueira Filho, vai receber hoje, às 15h, em seu gabinete, o relatório sobre procedência de rebanho bovino resultante da investigação do Departamento de Operações da Fronteira (DOF), com a análise do caso da Estância Santa Maria, em Paranhos, iniciada em 21 de dezembro do ano passado.
Na oportunidade o secretário vai receber o diretor do DOF, Cel. Geraldo Orti, que apresentará o relatório oficial do caso, juntamente com o responsável pela investigação, Del. Antônio Carlos Videira, onde constam todas as informações referentes à apuração da falsa suspeita de foco de aftosa na fronteira com o Paraguai.
Conforme Dagoberto o motivo principal da interdição da propriedade deve-se a problemas relativos à composição do rebanho e ainda ao desencontro entre o número de animais existentes e os documentos de ingresso dos bovinos na fazenda, motivo pelo qual o DOF foi convocado para investigar o caso.
Segundo o Del. Antônio Videira o documento é composto por cerca de 100 páginas onde consta um levantamento completo do caso bem como a origem desses animais.
O secretário de Estado da Produção e do Turismo (Seprotur), Dagoberto Nogueira Filho, vai receber hoje, às 15h, em seu gabinete, o relatório sobre procedência de rebanho bovino resultante da investigação do Departamento de Operações da Fronteira (DOF), com a análise do caso da Estância Santa Maria, em Paranhos, iniciada em 21 de dezembro do ano passado.
Na oportunidade o secretário vai receber o diretor do DOF, Cel. Geraldo Orti, que apresentará o relatório oficial do caso, juntamente com o responsável pela investigação, Del. Antônio Carlos Videira, onde constam todas as informações referentes à apuração da falsa suspeita de foco de aftosa na fronteira com o Paraguai.
Conforme Dagoberto o motivo principal da interdição da propriedade deve-se a problemas relativos à composição do rebanho e ainda ao desencontro entre o número de animais existentes e os documentos de ingresso dos bovinos na fazenda, motivo pelo qual o DOF foi convocado para investigar o caso.
Segundo o Del. Antônio Videira o documento é composto por cerca de 100 páginas onde consta um levantamento completo do caso bem como a origem desses animais.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 27 de Junho de 2017
Segunda, 26 de Junho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)