Cassilândia, Segunda-feira, 28 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

14/07/2003 14:54

Crise na suinocultura pode ser amenizada

Fabiane Sato

A crise da suinocultura pode ser amenizada com a Resolução 3.084 do Banco Central, que dispõe sobre financiamentos para retenção de matrizes suínas, aprovada no último dia 25 de junho. A afirmação é do diretor-secretário da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) e presidente da Comissão de Suinocultura, Ademar da Silva Júnior, que comenta que os produtores estão trabalhando com prejuízo de até 20%.
O crédito aprovado é de até R$ 60 mil por tomador, em uma única operação, independente de outros créditos de custeio. O prazo para contratação até dia 31 de março de 2004, o reembolso é em até dois anos. A resolução já está em vigor.
O Diretor da Famasul comenta que o financiamento deve amenizar a crise, mas não recupera as perdas que o setor acumulou no último ano. Ele acredita que 15% dos produtores de suíno no Estado tenham desistido da atividade. A razão está no custo de produção que aumentou, fazendo com que os suinocultores trabalhassem com prejuízos de até 20%. O ideal, segundo o presidente da Comissão, é que a atividade tivesse um preço no mercado conforme o custo de produção.
A assessora de economia da entidade, Adriana Mascarenhas Braga, já entrou em contato com o Banco do Brasil no Estado que informou a disponibilidade do recurso para o financiamento. O juros ficou em 8,75% para o financiamento para a retenção de matrizes.
Segundo os dados da entidade o quilo da carne de suíno estava cotado em R$ 1,40 no último dia 11 de julho, na mesma data do ano passado, o valor era de R$ 1,12. Apesar do aumento de 14,2% no valor da carne de suíno, os suinocultores acumularam prejuízos devido o aumento dos valores dos insumos. O abate de janeiro a abril deste ano foi de 303.277 de suínos ou 25,89 milhões de quilos, no mesmo período do ano passado o abate foi de 305.969 cabeças, aproximadamente, 26,26 milhões de quilos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Sábado, 26 de Setembro de 2020
07:28
Cassilândia/São José do Rio Preto
Sexta, 25 de Setembro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)