Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/11/2007 17:21

Correios lança projeto para tentar realizar sonhos

Sabrina Craide /ABr

Brasília - Tentar realizar o sonho de crianças brasileiras no Natal é o objetivo do projeto Papai Noel dos Correios, lançado hoje (29) em Brasília. A proposta é responder todas as cartas que são enviadas ao Papai Noel, ou com outra cartinha, ou com o presente pedido, que é doado pela sociedade. Neste ano, são esperadas 1 milhão de cartas, o dobro do ano passado.

Todas cartas que chegam endereçadas ao Papai Noel são selecionadas por um grupo de voluntários da própria comunidade. Depois da triagem, os pedidos ficam disponíveis para quem quiser adotar uma cartinha e realizar o desejo daquela criança. Para doar o presente, não é preciso se identificar.

O presente é entregue nos Correios, que fica encarregado de levar os brinquedos aos centros de distribuição e entregar um aviso na casa da criança. Quem não tiver o seu pedido atendido, recebe pelo menos uma resposta.

Segundo o presidente dos Correios, Carlos Henrique Custódio, a participação da sociedade é fundamental para o sucesso do projeto.


“Contamos com a comunidade, com voluntários na fase da leitura das cartas, e com a infra-estrutura dos Correios presente em todos os municípios brasileiros, tanto na coleta das cartas quanto na entrega das cartas e dos presentes”, afirmou.

Para adotar uma carta ou ajudar como voluntário na triagem, basta procurar a Casa do Papai Noel de sua região. Os contatos estão no site dos Correios (www.correios.com.br).


As crianças que quiserem mandar uma carta devem destiná-la ao Papai Noel e entregar o envelope em qualquer agência dos Correios, sem se esquecer de colocar o endereço completo do remetente, inclusive o CEP.

O empresário Gastão Lima foi ao Centro de Encomendas dos Correios em Brasília para escolher 25 cartinhas. Ele mobilizou os funcionários de sua empresa e organizou um amigo oculto para distribuir as cartas entre os que quiseram participar da campanha. Para ele, ajudar quem mais precisa é uma obrigação. “Gente, o que a gente está fazendo aqui, se não for ajudar a quem precisa?”, questiona.

Ao mesmo tempo em que os Correios lançavam o projeto, o Sindicato dos Trabalhadores dos Correios fazia um protesto contra a forma como os presentes são distribuídos. De acordo com o presidente do sindicato, Moisés Leme da Silva Neto, no ano passado muitos presentes não foram entregues porque as pessoas mais pobres não têm condições de ir buscá-los.

Ele diz que, neste ano, a entrega será fiscalizada pelos trabalhadores. “Como os Correios é uma empresa de entrega, queremos que possa entregar esses presentes na casa dessas crianças que fazem as cartinhas, que tanto esperam o Papai Noel dos Correios”, explicou.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)