Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

20/11/2015 00:44

Corinthians empata com o Vasco e antecipa o hexacampeonato brasileiro

FPF

O Corinthians é o campeão brasileiro de 2015. Depois da ansiedade vivida nos últimos jogos, o time paulista confirmou o hexacampeonato ao empatar com o Vasco da Gama, por 1 a 1, nesta quinta-feira à noite (19), no estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela 35ª rodada.

Com 77 pontos, o Corinthians não pode mais ser alcançado pelo vice-líder Atlético (MG), com 65 pontos, após perder para São Paulo, por 4 a 2, no Morumbi. A diferença dos dois primeiros colocados é de 12 pontos, mas só faltam três rodadas para o término da competição, com nove pontos em disputa. O Vasco da Gama, com 34 pontos, ainda é vice-lanterna, só na frente do Joinville, com 31.

Em 25 anos, o time paulista conquistou seis títulos. O primeiro só foi garantido em 1990, seguido depois por 1998, 1999, 2005, 2011 e agora em 2015. A conquista foi indiscutível, com 23 vitórias e apenas quatro derrotas. Com o melhor ataque – 64 – e melhor defesa – 27 gols sofridos.

Perto de dois mil corintianos puderam festejar ao lado dos jogadores dentro de São Januário, com 20 mil torcedores no total. O título, efetivamente, vai ser comemorado ao lado da torcida, domingo (22), na Arena Itaquera, no clássico com o São Paulo, que começa às 17 horas, pela 36ª rodada.

Supremacia paulista

A conquista do Corinthians confirma a supremacia paulista no cenário nacional. Ele se igualou aos seis títulos do São Paulo e ambos ficam atrás de Santos e Palmeiras, com oito títulos cada, segundo os critérios oficiais da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O futebol de São Paulo ainda tem uma conquista com o Guarani, em 1978, que ostenta seu triunfo como único clube do interior do país. No total, são 29 títulos paulistas. Depois aparecem na lista oficial, o Flamengo, com cinco; Cruzeiro, quatro; Internacional, três; Grêmio, Botafogo e Bahia com dois.

Os quatro da Seleção

O técnico Tite já tinha avisado que deveria escalar os quatro jogadores do Corinthians que serviram a seleção brasileira nas Eliminatórias para a Copa do Mundo: o goleiro Cássio, o zagueiro Gil, e os meias Elias e Renato Augusto. O Vasco entrou em campo motivado por sua volta à São Januário após quatro meses, além da boa sequência de resultados. Nas últimas 11 rodadas, foram cinco vitórias, cinco empates e apenas uma derrota.

O jogo começou em clima de decisão. O Corinthians atrás da confirmação do título e o Vasco tentando deixar a vice-lanterna para manter sua fuga da zona do rebaixamento. O time carioca não mostrou desespero e teve a primeira chance aos 15 minutos, quando Rafael Silva entrou na área pelo lado esquerdo. Mas ele foi bloqueado pela saída de Cássio, que mandou a bola para escanteio.

Depois de um começo cauteloso, aos poucos o Corinthians passou a conquistar o território vascaíno. Não conseguiu, até aquele momento, acertar nenhum chute em direção ao gol defendido por Martin Silva. Aos 29 minutos, após passe de Vagner Love, o meia Renato Augusto chutou em curva e a bola passou perto da trave. O lance mais perigoso dos paulistas aconteceu nos acréscimos, aos 47 minutos. Jadson cobrou falta perto da linha da grande área sobre a barreira e Martin Silva saltou, mandando para escanteio.

Segundo tempo

Os dois times voltaram sem mudanças dos vestiários. O cenário também não mudou. Aos 15 minutos, Tite optou pela entrada de Rodriguinho na vaga de Renato Augusto, com sinais de cansaço. Dois minutos depois, o zagueiro Rodrigo deixou o Vasco da Gama com um jogador a menos ao ser expulso. Ele solou Malcom e recebeu o segundo cartão amarelo e depois o vermelho.

A partir daí, o técnico Jorginho teve que recompor seu sistema de marcação, mesmo precisando da vitória. O Corinthians passou a ter mais posse de bola e a ser mais ofensivo. Aos 25 minutos, como estava previsto, Elias saiu para a entrada de Lucca, o atacante pé de coelho nos últimos jogos. Diante do Coritiba ele fez o gol da vitória, na rodada passada, que terminou 2 a 1.

Mas o futebol é caprichoso. O Vasco não se intimidou e foi eficiente ao criar uma chance e marcar seu gol. Nenê desceu pela esquerda e fez o passe para Júlio César. Ele bateu rasteiro e superou Cássio, aos 27 minutos. O Corinthians correu atrás do empate e conseguiu aos 36 minutos. Após cruzamento, Lucca ajeitou de cabeça quase na linha de fundo e Vagner Love, na pequena área, também completou de cabeça para as redes. Daí era espera o apito final do árbitro para comemorar.

Últimos jogos

Além do clássico com o São Paulo, no domingo (22), o Corinthians ainda fará mais dois jogos. Vai sair contra o Sport, em Recife (PE), dia 29, e vai encerrar a temporada, em São Paulo, contra o Avaí, no dia 6 de dezembro. No próximo final de semana, o Vasco vai enfrentar o lanterna Joinville, domingo (22), em Santa Catarina.

Ficha Técnica

Vasco 1x1 Corinthians

Vasco: Martín Silva; Madson, Luan, Rodrigo e Júlio César; Serginho, Diguinho (Rafael Vaz), Andrezinho e Nenê; Rafael Silva (Jorge Henrique) e Riascos (Éder Luis).
Técnico: Jorginho.

Corinthians: Cássio; Edílson, Felipe, Gil e Guilherme Arana; Ralf (Bruno Henrique), Elias (Lucca), Renato Augusto (Rodriguinho) e Jadson; Malcom e Vágner Love.
Técnico: Tite

Gols: Júlio César aos 27 minutos do 2º tempo (Vasco); Vágner Love aos 36 minutos do 2º tempo (Corinthians)

Cartões Amarelos: Diguinho e Rodrigo (Vasco); Edílson, Jadson e Lucca (Corinthians)

Cartão Vermelho: Rodrigo (Vasco)

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Assistentes: Alessandro A. Rocha de Matos (BA) e Fabiano da Silva Ramires (ES)
Quarto árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ);
Data: Quinta-feira (19), às 22 horas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)