Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/06/2013 15:14

Construtora paga na madrugada e operários desocupam canteiro

Campo Grande News/ Aliny Mary Dias

Os cerca de 50 operários que prestam serviço para a construtora Rossi e que protestavam contra o atraso de salário receberam o pagamento durante a madrugada deste sábado (29). Revoltados com o atraso, o grupo trancou funcionários da empresa no canteiro de obras e passou a noite no local.

De acordo com o operário Luiz Teixeira, de 52 anos, um representante da empresa chegou em Campo Grande na madrugada e pagou o salário para os funcionários por volta das 2 horas.

Após o pagamento, o grupo deixou o canteiro localizado no bairro Rita Vieira, mas retornou na manhã de hoje onde fez protestos até o meio dia. O grupo quer que a rescisão de contrato seja paga até a próxima terça-feira (2), mas a empresa informou que os valores deverão ser pagos na sexta.

O grupo está com salários atrasados desde março. Conforme os operários, eles foram contratados pela empresa Ricardos Fillito Tintas, de São Paulo, para prestar serviços para Rossi. Porém, a empresa decretou falência e não pagou o salário dos funcionários.

Depois de ameaças de passar a noite no canteiro e até levar colchões para o local, um representante da empresa Rossi desembarcou em Campo Grande durante a madrugada e colocou fim ao impasse.

Com o salário em dia, agora os funcionários exigem a quitação do valor da rescisão. “Nós vamos protestar na segunda-feira porque queremos que eles paguem o acerto até na sexta”, afirma o operário Luiz Teixeira.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)