Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/11/2004 15:17

Comprar preservativo ainda é iniciativa masculina

Cecília Jorge / ABr

A compra de camisinha ainda é uma iniciativa predominantemente masculina. De acordo com a pesquisa sobre o comportamento dos brasileiros em relação à aids, divulgada nesta terça-feira pelo Ministério da Saúde, 78% dos homens entrevistados já compraram preservativo. Entre as mulheres, o percentual é de 44%.

O incentivo às mulheres para que levem na bolsa a camisinha e também para que usem o preservativo feminino está em um dos folhetos distribuídos na campanha que marca o Dia Mundial de Luta contra a Aids, em 1º de dezembro, sob o tema Mulher: sua história é você quem faz. Segundo o folheto, essas são "atitudes de uma mulher preocupada com o seu bem-estar".

O ministro da Saúde, Humberto Costa, disse que as campanhas sobre aids têm procurado estimular as mulheres a assumir uma atitude mais afirmativa na relação. "Muitas vezes, existe até o preservativo, mas há a negativa do homem em utilizá-lo", afirmou.

De acordo com a pesquisa, metade da população masculina sexualmente ativa tem preservativo em casa. Entre as mulheres com vida sexual ativa, 39% mantêm esse hábito. Foram ouvidas 6 mil pessoas de 15 a 54 anos, em todo o país.

O levantamento revela que 90% dos entrevistados são sexualmente ativos e quase 20% tiveram mais de dez parceiros na vida. Entre os jovens de 15 a 24 anos, 7% tiveram mais de cinco parceiros somente no último ano. O uso de preservativo é uma prática entre 54% dos jovens em relações com parceiros eventuais. No conjunto dos entrevistados, 51,5% fazem uso regular de camisinha quando a relação é com parceiro eventual. Apenas 25,3% afirmaram usar camisinha, seja com parceiro eventual ou fixo.

Como parte das atividades do Dia Mundial de Luta Contra a Aids, o ministro Humberto Costa e o presidente da Câmara dos Deputados, João Paulo Cunha, compareceram à instalação de um laço com 11 metros de altura, no gramado em frente ao Congresso Nacional.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)