Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/05/2008 19:03

Comitiva de MS reúne-se com OIE na quarta-feira

Fabiane Sato

O governador André Puccinelli, a secretária de Produção e Turismo, Tereza Cristina Correa da Costa, e o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (FAMASUL), Ademar Silva Junior, participam na quarta-feira, dia 28, de uma reunião com os técnicos da Organização Internacional de Epizootias (OIE), em Paris. A reunião apontará quais as ações que devem ser tomadas por Mato Grosso do Sul para que em 60 dias, o Estado seja novamente avaliado.



“O governo do Estado e os produtores rurais de Mato Grosso do Sul têm se esforçado para que o estado obtenha o status de Área Livre. Nesse primeiro momento, não teremos prejuízo com a não liberação pela OIE”, comentou o presidente da FAMASUL.



A OIE declarou nesta terça-feira (27) a liberação de 10 estados brasileiros mais o Distrito Federal e adiou para julho a avaliação sobre o status sanitário de Mato Grosso do Sul. O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Reinhold Stephanes, descartou que a mudança no status possa incrementar a receita com exportações no curto prazo, já que existe uma baixa oferta de animais para abate no mercado interno brasileiro.



Conforme o presidente da entidade, a demanda por alimentos, entre eles a carne bovina, continua com tendência de alta. “O valor da arroba não deve não tende a cair”, destacou o presidente da entidade. A assessora de economia da FAMASUL, Adriana Mascarenhas, concorda e aponta que, só um seca muito forte pode aumentar o cenário do mercado bovino. “O prognóstico de curto a médio prazo é uma tendência de alta, até porque houve uma forte redução de oferta e as escalas continuam curtas nos frigoríficos”, apontou

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)