Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

30/07/2007 17:50

Comissão de Ética analisou atitude de Marco Aurélio

Nielmar de Oliveira/ABr

Rio de Janeiro - A Comissão de Ética Pública do governo federal reuniu-se hoje (30) no Rio de Janeiro. Entre os casos já analisados pelos integrantes da comissão está o do assessor especial da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, flagrado no último dia 19 fazendo um gesto obsceno ao tomar conhecimento de que uma falha mecânica poderia ser a principal causa do acidente com o avião da TAM.

O secretário-executivo da Comissão de Ética Pública do governo federal, Mauro Sérgio Bogea Soares, disse que o órgão não deve ser pronunciar sobre o caso ainda hoje. Segundo ele, a comissão tem por hábito informar primeiro aos envolvidos sobre possíveis decisões tomadas em suas reuniões.

“A reunião ainda está ocorrendo e a situação envolvendo Marco Aurélio Garcia foi abordada. Nós, porém, não divulgaremos nenhuma declaração, até porque temos por hábito primeiro informar os envolvidos”, disse Soares. Ainda de acordo com ele, em geral, os pareceres da Comissão de Ética são publicados na ata das reuniões e divulgadas na internet. A comissão reuniu-se hoje na sede do Ministério da Fazenda, no Rio de Janeiro, sob a presidência interina do ex-ministro Marcílio Marques Moreira.

Ontem, em entrevista à Bandeirantes, Marco Aurélio Garcia admitiu que pôs o cargo à disposição do presidente Lula tão logo as imagens foram divulgadas pela Rede Globo. Em nota divulgada no dia 20, o assessor especial da Presidência da República pediu desculpas “aos que possam sentir-se atingidos” pela atitude que teve.

"O sentimento de que fui possuído ao ver o noticiário foi fundamentalmente de indignação. Sem nenhuma investigação ou parecer técnico consistente, importantes setores dos meios de comunicação não hesitaram, poucas horas depois do acidente, em lançar sobre o governo a responsabilidade da tragédia de São Paulo”, criticou Marco Aurélio Garcia, em nota.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)