Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/04/2005 08:13

Começa neste mês a venda de remédios fracionados

Érica Santana/ABr

Até o final do mês de abril será iniciada a venda de medicamentos fracionados, de acordo com previsão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). No dia 3, terminará o prazo de consulta pública, por meio da qual a população pode opinar sobre os rumos que a regulação dessa medida deve tomar. Depois disso, um grupo de trabalho consolidará as sugestões, redigirá o texto final do regulamento e o submeterá a aprovação do Ministério da Saúde. Se aceito, a comercialização avulsa de medicamentos será iniciada imediatamente.

De acordo com o diretor da Anvisa, Dirceu Raposo de Mello, todas as embalagens de medicamentos fracionados trarão bulas e apresentarão o nome do remédio, a data de validade, a concentração, a forma de uso e o número do lote. "O Código de Defesa do Consumidor diz que o comprador tem direito à informação, por isso a bula terá que ser fornecida com o tratamento. Se faltarem bulas, o farmacêutico do estabelecimento terá a atribuição e o dever de fornecê-las ao paciente", acrescentou.

A comercialização fragmentada de remédios será feita pelas farmácias que se submeterem ao credenciamento do Ministério da Saúde. As drogarias estão excluídas desse tipo de venda. "O paciente chegará na farmácia com uma determinada prescrição. O farmacêutico colocará a embalagem primária fracionável dentro de um saquinho de plástico com rótulo e os dados necessários. A qualidade da dispensação será garantida pelo farmacêutico", explicou Mello, acrescentando que o medicamento fragmentado poderá ser armazenado em casa, sem risco para o paciente, se o invólucro for preservado.

O ministro da Saúde, Humberto Costa, já havia informado na quarta-feira (30) que após a aprovação da regulamentação, será dada prioridade à compra de embalagens fracionáveis.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)