Cassilândia, Terça-feira, 26 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

05/03/2013 16:32

CNJ mantém aposentadoria de juiz acusado de fazer política

Débora Zampier, Agência Brasil

Brasília – Acusado de participar de atividade político-partidária, o juiz L.J.M, do Tribunal de Justiça do Maranhão, teve punição mantida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Em sessão nesta terça-feira (5), o Conselho confirmou, por 9 votos a 5, decisão do tribunal pela aposentadoria compulsória do magistrado.

Titular no município de Santa Quitéria, o  juiz acionou o CNJ para tentar reverter decisão do tribunal maranhense de 2009. De acordo com a Constituição e com a Lei Orgânica da Magistratura, os juízes não podem participar de atividades político-partidárias, conforme destacou o relator do processo, conselheiro Bruno Dantas.

Segundo Dantas, a decisão do tribunal foi baseada em provas sólidas do engajamento político do juiz, como a degravação de discurso do magistrado e depoimentos de testemunhas que detalham sua participação em passeatas, comícios e outros eventos ao lado de políticos locais.

Em sua defesa, o juiz disse que não atuava politicamente, e sim com o objetivo de alertar a população local sobre assuntos de interesse. Informou, ainda, que sua produtividade era alta e que a atividade nunca prejudicou seu trabalho.

Edição Beto Coura

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 25 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 24 de Setembro de 2017
18:01
Município suspende aulas
11:00
Mundo fitness
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)