Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/08/2010 11:57

Chile: parentes de mineiros soterrados devem entrar com ação na Justiça

Agência Brasil

Brasília - Parentes dos 33 mineiros que estão presos dentro de uma mina no Chile devem entrar hoje (26) com ação na Justiça contra os donos de San José e o Serviço Nacional de Geologia e Mineração, segundo informações da BBC Brasil.

O advogado que representa as famílias, Ramberto Valdés, disse que o processo vai pedir a responsabilização dos proprietários da mina de San José e as autoridades responsáveis por sua fiscalização. A ação deve permitir que o pagamento de eventuais indenizações aos mineiros e suas famílias possa ser feito com o patrimônio dos indivíduos processados, mesmo no caso da anunciada falência de San José.

O advogado que representa a mina, Hernán Tuane, disse que seus clientes são alvo de “acusações criminosas” e que a companhia pode declarar falência caso não possa cumprir com compromissos, como o pagamento dos salários dos mineiros e a operação de resgate.

Os donos da mina negam responsabilidade sobre o acidente e afirmam que tudo funcionou como deveria, mesmo com os antecedentes que começaram a ser divulgados sobre a falta de condições de segurança no local.

A mina San José havia sido fechada em 2007, após acidente em que um trabalhador morreu depois de uma explosão, mas foi reaberta em 2008. No começo deste ano, um mineiro perdeu uma perna em outro acidente no local.

Os mineiros estão presos desde 5 de agosto, quando o principal acesso ao túnel ruiu. Eles conseguiram abrigo, com acesso limitado a água e comida. As equipes de resgate abriram três pequenos túneis para que possam receber comida e água, para levar oxigênio e para comunicação. O resgate dos 33 mineiros poderá levar até quatro meses.

Edição: Graça Adjuto

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)