Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

13/08/2009 13:06

Carbono: Produção de cana de MS pode gerar US$ 8,1 mi

Fabiane Sato

A produção de cana-de-açúcar de Mato Grosso do Sul é suficiente para gerar US$ 8,1 milhões em crédito de carbono, segundo o presidente do Conselho do Ministério da Ciência e Tecnologia, José Roberto Moreira. “Mato Grosso do Sul é um dos fortes candidatos à geração de eletricidade com bagaço de cana”, afirma.



Professor e doutor pela Universidade de São Paulo - USP, José Roberto estará no dia 25 de agosto em Campo Grande, onde vai proferir palestra sobre crédito de carbono, durante o 3°Congresso de Tecnologia na Cadeia Produtiva da Cana-de-Açúcar em Mato Grosso do Sul - Canasul. O evento será realizado no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo pela Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul - FAMASUL, através da Comissão Técnica de Bioenergia, e conta ainda com a promoção do Governo do Estado, da Fiems, e o apoio do Ministério da Agricultura.



Moreira ressalta que hoje Mato Grosso do Sul, que atingiu produção de 27 milhões de toneladas de cana-de-açúcar, tem potencial para produção de um excedente de energia equivalente a quase 1% do consumo nacional. Com essa produção, as usinas atingiriam 810 mil toneladas de CO2 (dióxido de carbono) para negociar em um ano, o que equivale a US$ 8,1 milhões.



Ele explica como é feito o cálculo. A cada tonelada de cana-de-açúcar é produzido 0,1 MWh de energia excedente. Após conhecer a quantidade de energia excedente produzida é preciso multiplicar o resultado por 0,3 para que seja obtido o volume de CO2 . Em média, o crédito de carbono vale US$ 10,00, a tonelada.



O professor pondera que a produção de 0,1 MWh de energia excedente por tonelada de cana leva em consideração usinas modernas e com caldeiras de altíssima pressão, sendo que em plantas com menos tecnologia a produção pode ser até cinco vezes menor.



Em Mato Grosso do Sul esse mercado é promissor, uma vez que muitas usinas novas e com alta tecnologia estão se instalando. Hoje existem 14 usinas em operação e só neste ano outras sete entrarão em operação, consolidando até 2012 investimentos de R$ 2,3 bilhões.


Entenda como funciona o processo – O protocolo de Kyoto prevê que as nações industrializadas devem reduzir suas emissões de gases do efeito estufa em 5,2% em relação aos níveis de 1990, durante o período de 2008 a 2012.



Seguindo as metas determinadas por cada País, as indústrias têm duas alternativas: melhorar a eficiência energética ou se não conseguir reduzir as emissões de carbono comprar créditos de terceiros.



A quantidade de CO2 que for retirada ou deixar de ser despejada na atmosfera é o que pode ser convertido em créditos de carbono.



O professor José Roberto Moreira lembra que no fim deste ano serão definidos os novos protocolos para comercialização de crédito de carbono a partir de 2013.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Sexta, 25 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)