Cassilândia, Quinta-feira, 19 de Janeiro de 2017

Últimas Notícias

08/09/2013 14:02

Câmara rejeita criação da categoria de pescador eventual

Agência Câmara Notícias

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara FEderal rejeitou na quarta-feira (28) projeto (4677/12), do deputado Marco Tebaldi (PSDB-SC), que institui uma nova categoria de pescador – o eventual.

Para o relator, deputado Luis Carlos Heinze (PP-RS), o projeto, além de repetir disposições existentes em várias leis em vigor, institui uma nova categoria que mescla elementos de outras já existentes. “A nosso ver, o texto não traria nenhum benefício ao setor pesqueiro nem ao conjunto da sociedade”, sustenta.

Rejeitada na única comissão de análise de mérito, a proposta será arquivada, a menos que haja recurso aprovado para que a sua tramitação continue pelo Plenário.

Lei já regula setor
Heinze lembra que a Lei 11.959/09, que regula o setor pesqueiro, classifica a pesca em comercial – que pode ser artesanal ou industrial – e não comercial, nas modalidades científica, amadora e de subsistência. “Essa Lei também define o pescador profissional, aquele que exerce a pesca com fins comerciais, e o amador”, acrescenta.

O relator afirma ainda que a filiação do pescador eventual a colônia de pescador parece incompatível, “uma vez que se trata de entidade reconhecida como órgão de classe dos trabalhadores do setor artesanal da pesca”.

Regras
De acordo com o texto rejeitado, o pescador eventual poderá utilizar embarcação de esporte ou recreio para realizar pesca de subsistência, sem fins lucrativos ou comerciais. Faculta também ao interessado filiar-se a colônia de pescador.

Pela proposta, as normas e procedimentos para a inscrição do pescador artesanal serão de responsabilidade do Ministério da Pesca e Aquicultura. Podem requerer o registro brasileiro nato ou naturalizado, bem como estrangeiro com autorização para exercício no País.

Para se inscrever, o candidato dever corresponder às seguintes condições: ser aposentado; ter mais de 18 anos; e comprovar que não exerce nenhuma atividade econômica relacionada diretamente com a pesca.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 19 de Janeiro de 2017
Quarta, 18 de Janeiro de 2017
21:49
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Terça, 17 de Janeiro de 2017
23:53
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)