Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

05/09/2007 19:28

Câmara aprova exame de certificação para veterinários

Agência Câmara

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara Federal aprovou nesta quarta-feira, em caráter conclusivo, o Projeto de Lei 6417/05, do Senado, que exige a prévia aprovação em exame nacional de certificação profissional para o desempenho da profissão de médico-veterinário. A proposta, que altera a lei de regulamentação da profissão (5517/68), será encaminhada à sanção presidencial.

O relator da proposta na comissão, deputado Magela (PT-DF), ressaltou a relevância do profissional da área para o controle sanitário e a preservação da saúde da população. Segundo ele, o exame profissional, a exemplo do que acontece com a Ordem dos Advogados do Brasil, padronizará os conteúdos didáticos da área e impedirá o exercício da profissão por "incapacitados ou incompetentes". Pela proposta, o exame ficará a cargo do Conselho Federal de Medicina Veterinária, que regulamentará a forma como será feita a prova.

A proposta ressalva o direito adquirido por profissionais já registrados nos conselhos regionais de medicina veterinária. Apenas profissionais com diploma de escolas reconhecidas pela Diretoria de Ensino Superior do Ministério da Educação, ou formados no exterior com diplomas reconhecidos no Brasil, poderão prestar o exame.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)