Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

13/07/2011 23:44

Brasil vence Equador e consegue a classificação para a próxima fase

FPF

O Brasil enfrentou o Equador nesta quarta-feira (13), em Córdoba (ARG), jogando suas chances de classificação na Copa América 2011. A Seleção se garantiu na próxima fase ao vencer os equatorianos por 4 a 2.

Com cinco pontos, os brasileiros ficaram na primeira posição do Grupo C, vencendo a Venezuela nos critérios de desempate, e irão enfrentar o Paraguai no próximo domingo (17), em San Juán.


Neymar recebeu de Robinho e de fora da área, bateu por cima do gol, com desvio do goleiro, na primeira chance de gol da partida. Na cobrança de escanteio, Thiago Silva apareceu e, de cabeça, quase mandou para dentro do gol equatoriano.

O Equador tentou a jogada na área aos cinco minutos, mas a defesa brasileira conseguiu o desarme. Maicon partiu com a bola e tentou o cruzamento para a área, mas a bola ficou com o goleiro Elizaga.

Arroyo arriscou o chute de longe, para a defesa de Júlio César. Alexandre Pato, aos 11, recebeu e fez o cruzamento, que acabou afastado de cabeça por Ayoví. Maicon, aos 14, novamente tentou o cruzamento, mas a bola foi parar nas mãos do goleiro.

O Brasil insistia nos cruzamentos pela área, principalmente pela direita com Maicon. O Equador tentava tocar a bola e apostava na velocidade para chegar à área brasileira.

Noboa bateu falta aos 22, que foi por cima da trave de Júlio César. O Brasil tentava ficar com a bola e trocava muitos passes, mas não conseguia transfomar o domínio da bola em lances de perigo contra a meta equatoriana. O Equador teve a chance em troca de passes pela esquerda, mas a arbitragem marcou impedimento na jogada.

O Brasil conseguiu voltar a finalizar aos 27, quando Alexandre Pato, de cabeça, completou cruzamento de André Santos para abrir o placar do Mário Alberto Kempes e colocar a Seleção mais perto da próxima fase.

Maicon partiu com a bola pela direita e tentou a tabela com Robinho, mas a defesa equatoriana fez o corte. Edison Méndez respondeu com chute de longe, por cima do gol brasileiro. Neymar bateu falta aos 33, e Elizaga subiu para fazer a defesa. Robinho bateu de primeira após cruzamento de Maicon e mandou na trave.

O empate do Equador veio com Felipe Caicedo. Após lançamento do campo de defesa, Lúcio não conseguiu o desarme e a bola seguiu com os equatorianos e ficou com Caicedo, que partiu pelo meio e tentou o chute. Júlio César falhou na hora da defesa e a bola entrou no gol.

O Brasil teve a chance do desempate, mas a defesa do Equador fez o corte. Júlio César, aos 44, salvou a Seleção de tomar a virada com a defesa. No rebote, Ayoví bateu de longe, mas a bola foi para fora. Nos minutos finais, os equatorianos pressionavam atrás do gol, aproveitando o recuo brasileiro.

O segundo tempo começou com a Seleção no ataque e Neymar marcou o segundo gol. Ganso fez o toque para Neymar ficar de frente para Elizaga e botar no fundo das redes.

Benítez tentou o chute de fora da área, mas a bola foi longe do gol. Os brasileiros tentavam imprimir uma pressão sobre o Equador, mas a forte marcação impedia o domínio do jogo por parte da Seleção. Alexandre Pato completou o cruzamento pela direita, mas a bola foi pela linha de fundo.

Apesar da pressão, o Equador voltou a empatar a partida aos 13, com Caicedo. Após rebote da defesa, a bola ficou com o Equador, e Caicedo recebeu na entrada da área para bater e colocar sem chances de Júlio César evitar o empate.

O Brasil voltou ao ataque aos 15 minutos e Neymar tentou o chute. Elizaga não pegou e Pato pegou o rebote para anotar seu segundo gol na partida e o terceiro da Seleção.

Ramires lançou Robinho na área, mas a o goleiro equatoriano chegou antes do atacante brasileiro para pegar a bola. Maicon bateu de longe aos 12 e Elizaga evitou o quarto gol dos brasileiros em Córdoba. Aos 23, a Seleção voltou a ter boa chance em jogada pela direita, que Alexandre Pato botou por cima do gol.

O Brasil fez o quarto aos 26, quando Maicon partiu pela direita e cruzou para Neymar completar de frente para o gol e colocar o Brasil no rumo da classificação.

Méndez bateu falta aos 28 e a bola foi longe do gol. O Brasil se animou com a vantagem e buscou pressionar o Equador. Após escanteio, Erazo tentou a finalização e Júlio César pegou a bola no chão.

Robinho recebeu sozinho a bola na área e acabou desarmado. Aos 43, foi a vez de Maicon ficar de frente para o gol e Elizaga fazer a defesa. Nos acréscimos, Fred tentou completar cruzamento de André Santos, mas pegou mal na bola.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)