Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/01/2008 06:52

Boletim conta 2 casos de febre amarela em MS, sem morte

Marta Ferreira/Campo Grande News

O boletim divulgado ontem pelo Ministério da Saúde sobre os casos de febre amarela no País entre o fim de 2007 e esta sexta-feira (25 de janeiro) não inclui qualquer suspeita de morte pela doença em Mato Grosso do Sul, apesar de a Secretaria Estadual de Saúde ter pedido testes da doença após o falecimento no Hospital Universitário de Campo Grande do empresário Nelson Machado Ribeiro, de 44 anos, nesta quinta-feira. Ribeiro, que veio transferido de Maracaju, apresentou sintomas comuns à febre amarela e outras doenças. O resultado da sorologia deve sair na segunda-feira.

Segundo o boletim divulgado pelo Ministério da Saúde, Mato Grosso do Sul tem dois casos confirmados da doença, dois descartados, e nenhum óbito. Os dois casos são de turistas que vieram ao Estado no fim do ano e passaram por Bonito. A exclusão da suspeita por morte pode ser explicada pelo fato de que as secretarias costumam primeiro ter um indicativo da sorologia para depois informar o Ministério.

Em todo o País, conforme o relatório, houve 41 notificações de casos suspeitos de febre amarela silvestre desde dezembro. Destes, dezenove casos foram confirmados, e dez evoluíram para óbito. Nos outros nove houve cura.

Outros dezoito casos foram descartados para febre amarela e quatro permanecem em investigação. Os prováveis locais de infecção dos casos confirmados, conforme o Ministério, ocorreram em áreas silvestres de Goiás, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

O boletim considera também as mortes de macacos, que podem indicar a presença do vírus da doença. No Estado, são relacionados achados de macacos mortos em 4 localidades, todas este mês.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)