Cassilândia, Terça-feira, 28 de Março de 2017

Últimas Notícias

26/01/2008 06:52

Boletim conta 2 casos de febre amarela em MS, sem morte

Marta Ferreira/Campo Grande News

O boletim divulgado ontem pelo Ministério da Saúde sobre os casos de febre amarela no País entre o fim de 2007 e esta sexta-feira (25 de janeiro) não inclui qualquer suspeita de morte pela doença em Mato Grosso do Sul, apesar de a Secretaria Estadual de Saúde ter pedido testes da doença após o falecimento no Hospital Universitário de Campo Grande do empresário Nelson Machado Ribeiro, de 44 anos, nesta quinta-feira. Ribeiro, que veio transferido de Maracaju, apresentou sintomas comuns à febre amarela e outras doenças. O resultado da sorologia deve sair na segunda-feira.

Segundo o boletim divulgado pelo Ministério da Saúde, Mato Grosso do Sul tem dois casos confirmados da doença, dois descartados, e nenhum óbito. Os dois casos são de turistas que vieram ao Estado no fim do ano e passaram por Bonito. A exclusão da suspeita por morte pode ser explicada pelo fato de que as secretarias costumam primeiro ter um indicativo da sorologia para depois informar o Ministério.

Em todo o País, conforme o relatório, houve 41 notificações de casos suspeitos de febre amarela silvestre desde dezembro. Destes, dezenove casos foram confirmados, e dez evoluíram para óbito. Nos outros nove houve cura.

Outros dezoito casos foram descartados para febre amarela e quatro permanecem em investigação. Os prováveis locais de infecção dos casos confirmados, conforme o Ministério, ocorreram em áreas silvestres de Goiás, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

O boletim considera também as mortes de macacos, que podem indicar a presença do vírus da doença. No Estado, são relacionados achados de macacos mortos em 4 localidades, todas este mês.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Março de 2017
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)