Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

18/11/2004 14:27

BNDES modifica para aperfeiçoar Programa de Microcrédito

Alana Gandra / ABr

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou hoje modificações nas regras do Programa de Microcrédito, visando ao seu aperfeiçoamento.

Lançado no ano passado, o programa realizou este ano três operações com agentes repassadores, no valor global de R$ 60 milhões, que superam o conjunto de transações registradas no período de 1996/2002, da ordem de R$ 50 milhões.

A informação foi dada hoje pela chefe do Departamento de Economia Solidária do BNDES, Lucimar Guarneri. Ela explicou que os ajustes efetuados tiveram por finalidade atender aos interesses da demanda, em termos de valor do financiamento mínimo, prazos, garantias, nível de participação do banco nos projetos e condições financeiras.

A modificação principal foi na faixa 1, dos microempreendedores de menor porte. A menor faixa de operação teve o valor médio dos créditos ampliado de até R$ 1 mil para até R$ 3 mil, revelou Lucimar. Segundo ele, isso dá maior flexibilidade às entidades que estiverem desenvolvendo o programa para atender o público de mais baixa renda.

Os novos ajustes permitirão aos estados propor projetos de microcrédito. Até o ano retrasado, isso não ocorria, porque o programa era aberto somente para organizações não-governamentais.

Hoje, o BNDES deve contratar a primeira operação de microcrédito com o estado de Sergipe e o Banco de Sergipe (Banese), no valor de R$ 7 milhões. O banco tem também duas operações de enquadramento com o Rio Grande do Sul e o Pará e agências de fomento, em valores médios de R$ 20 milhões e R$ 25 milhões.

O banco também tem três transações em perspectiva com clientes que estão formatando projetos de maior porte: duas da Bahia e uma de Minas. Com isso, a carteira de microcrédito do BNDES deve atingir até o final do ano a projeção feita para o Programa em 2004, da ordem de R$ 80 milhões. Para 2005, a meta é ultrapassar esse montante, podendo alcançar R$ 100 milhões.

A participação do BNDES nos projetos pode chegar a 100% dos recursos destinados exclusivamente ao microcrédito, desde que se comprove contrapartida, financeira ou não.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)