Cassilândia, Sábado, 11 de Julho de 2020

Últimas Notícias

21/05/2016 13:30

Bebês nascidos em 2015 vão viver em média até 71 anos, diz a OMS

180 Graus

A expectativa de vida no mundo aumentou em média cinco anos entre 2000 e 2015, de acordo com o relatório anual de estatísticas divulgado nesta quinta-feira (19) pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Uma criança nascida em 2015 pode viver 71,4 anos: mais tempo para as mulheres (73,8 anos) do que para os homens (69,1 anos).

De acordo com a organização, esse é o crescimento mais rápido desde os anos 1960, quando Europa e Japão se beneficiaram dos progressos socioeconômicos da reconstrução após a Segunda Guerra Mundial.

A diretora-geral da OMS, Margaret Chan, declarou que foram feitos importantes progressos para combater enfermidades evitáveis e curáveis, graças a um maior acesso à terapia antirretroviral para prevenir a infeção do HIV. A luta contra a aids e o combate à malária no continente africano também desempenharam um papel importante para chegar a este resultado.

Ricos e pobres - Apesar dos avanços nos países mais pobres, a OMS pondera que persistem diferenças importantes em termos de expectativa de vida entre países desenvolvidos e países em desenvolvimento.

Uma menina que nasce hoje no Japão tem a mais longa expectativa de vida: 86,8 anos. No caso dos homens, a Suíça oferece a maior longevidade, com média de 81,3 anos.
Serra Leoa ocupa o último lugar na classificação para os dois sexos, com 50,8 anos para as mulheres e 49,3 anos para os homens.

No Brasil, a expectativa média chegou a 75 anos, acima da média mundial, de 71,4 anos. No indicador de expectativa de vida saudável, o país registrou 65,5 anos, enquanto a média mundial ficou em 63,1 anos.

Desafios - Segundo a entidade, para prolongar ainda mais a expectativa de vida, alguns aspectos precisam que melhorar. Os principais são a redução do número de fumantes - atualmente 1,1 bilhão no mundo - e o abastecimento com água potável -- estima-se que 1,8 bilhão de pessoas bebem água contaminada diariamente.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 11 de Julho de 2020
Sexta, 10 de Julho de 2020
18:30
Covid-19: confira o boletim desta sexta-feira de Santa Fé do Sul - São Paulo
09:00
Santo do Dia
08:16
Chapadão do Sul
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)