Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

16/04/2010 10:15

Aumenta número de roubos que terminam com morte em MS

Campo Grande News/ Fernanda Mathias

O relatório das ações policiais e ocorrências referentes ao primeiro trimestre deste ano, divulgado no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira, aponta que no primeiro trimestre deste ano os casos de roubo seguido de morte dispararam na Capital e em cidades do interior.

Em Campo Grande foram cinco latrocínios, contra um de janeiro a março de 2009. Nas cidades do interior o número de crimes desse tipo saltou de três para cinco.

Um dos casos que causou comoção, na Capital, foi a morte do estudante Paulo Henrique Rodrigues, 17 anos, ocorrido no dia 17 de fevereiro no Jardim Tarumã, atingido por um tiro disparado por bandidos durante um assalto do outro lado da rua em que ele trabalhava.

Em março dois comerciantes foram mortos no bairro Cidade Morena, região da saída para São Paulo. Juarez Alves Feitosa, de 35 anos, foi assassinado a tiros no dia 11, quando ajudava um funcionário cujo carro havia estragado na Gury Marques e Geraldo Cardoso, de 63 anos, foi morto a tiros em um bar, na noite do dia 22. Dois dias depois, no bairro São Francisco, o aposentado Franckilin Yashuhiro Shinzato, de 78 anos, foi espancado e morto e o carro dele foi roubado.

Na Capital os roubos aumentaram em 4%, totalizando 1.209 em três meses contra 1.161 em igual período do ano anterior. No interior houve redução de 15%, de 785 para 667.

Os assassinatos não relacionados com roubos também diminuíram, de 36 para 33 na Capital e de 121 a 92 no interior do Estado.

Outro dado revelado pelo relatório é que com a nova legislação, que amplia os crimes qualificados como estupro, os registros dispararam. Somam 54 na Capital, contra 31 de janeiro a março de 2009 e nas cidades do interior de 50 saltaram para 136.

Ainda de acordo com o relatório, aumentaram os golpes aplicados por estelionatários em todo o Estado. No primeiro trimestre deste ano foram 265 casos nas cidades do interior e 195 na Capital, aumento de 13% e 6%, respectivamente.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)