Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/11/2010 20:38

Artigo: A verdade por trás das cortinas

*Rogério Tenório de Moura

Em vez de dar uma versão acadêmica (e prolixa como estas costumam ser) sobre contratos de mercados e futuros, comodities, títulos do tesouro, CDB, fundos de renda fixa, ações, opções, inflação, recessão e outros termos complexos do economês extravagante que os analistas financeiros tanto amam, farei uso de uma abordagem bem mais simples (mas bem mais efetiva) da qual Jesus nunca abriu mão em seu ministério: parábolas. Elas funcionam tão bem que mais de dois mil anos após a passagem dEle pela Terra, ainda há bilhões de pessoas capazes de matar ou morrer em seu nome, por mais contraditório que isso possa parecer!
Era uma vez uma pequena cidade, seus habitantes viviam endividados e sobrevivendo à custa de crédito. Na verdade, só quem efetivamente ganhava dinheiro eram os agiotas, até mesmo os bancos se negavam a fazer empréstimos, pois a maioria da população tinha restrições de crédito ou não tinha como comprovar capacidade de pagamento.
Certo dia chega um gringo rico entra num pequeno hotel. O mesmo saca uma nota de R$ 100,00; põe no balcão e pede para ver um quarto.
Enquanto o gringo vê o quarto, o gerente do hotel sai correndo com a nota de R$ 100,00 e vai até o açougue pagar suas dívidas com o açougueiro.
Este, pega a nota e vai até um criador de suínos a quem deve e paga tudo.
O criador, por sua vez, pega também a nota e corre ao veterinário liquidar sua dívida.
O veterinário, com a nota em mãos, vai até a zona pagar o que devia a uma prostituta (em tempos de crise essa classe também trabalha a crédito).
A prostituta sai com o dinheiro em direção ao hotel, lugar onde, às vezes, levava seus clientes e que ultimamente havia utilizado na pendura e paga a conta.
Nesse momento, o gringo chega novamente ao balcão, pede a nota de volta, agradece, mas diz não ser o que esperava e sai do hotel e da cidade.
Ninguém ganhou nenhum vintém, porém agora toda a cidade vive sem dívidas e começa a ver o futuro com confiança!
Moral da história: Quando o dinheiro circula, não há crise! É por isso que em meio a crise de1929 os norte-americanos apostaram na construção do Empire State Building; pelo mesmo motivo, quando a “marola” atingiu o Brasil, o governo federal zerou o IPI de carros e produtos da linha branca. É por isso que toda vez que uma crise se delineia governos criam programas gigantescos de investimento em infra-instrutora e de facilitação de acesso ao crédito. Capito?!

*Rogério Tenório de Moura é licenciado em Letras pela UEMS, especialista em Didática Geral e em Psicopedagogia pelas FIC.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)