Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

03/03/2010 21:34

Argentina reconhece primeiro casamento de homossexuais

Agência Brasil

Buenos Aires – O primeiro casamento de homosexuais foi realizado hoje (3) em Buenos Aires. Os deputados argentinos querem debater, na próxima semana, uma lei permitindo a união civil de gays em todo o país.

Damian Bernath e Jorge Salazar tiveram que recorrer a Justiça e enfrentar a oposição da Igreja e dos advogados católicos, para poder celebrar seu casamento. “Já estão casados. O direito já está adquirido na Argentina e no mundo”, disse Maria Rachid, presidente da Federação Argentina de Lésbicas, Gays, Bisexuais e Transexuais.

Em 2002, Buenos Aires converteu-se na primeira cidade da América Latina a reconhecer o casamento de pessoas do mesmo sexo. Mas, até hoje, os homosexuais não tinham conseguido fazer valer seus direitos. A Igreja e advogados católicos recorriam a Justiça para questionar a validade do casamento.

Em dezembro passado, a Justiçaa impediu o casamento de dois homens em Buenos Aires. O casal acabou se casando na Terra do Fogo.

Deputados de diversos partidos anunciaram que começarão a debater, na próxima semana, a legalização do casamento homosexual em toda a Argentina. Hoje, apenas quatro distritos eleitorais reconhecem este direito, entre eles a cidade de Buenos Aires e a Terra do Fogo.

“Precisamos de uma lei nacional, para não ter que recorrer à Justiça cada vez que um casal gay quiser se casar”, explicou Rachid.

Título Home:
Argentina reconhece primeiro casamento de homossexuais

Sutiã Home:
O casamento ocorreu na província de Buenos Aires. Deputados argentinos querem debater, na próxima semana, uma lei permitindo a união civil de gays em todo o país

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)